26°
Máx
19°
Min

Fundação de Saúde tenta localizar aparelhos oftalmológicos

Onde estão? A Polícia Civil investiga o paradeiro de equipamentos oftalmológicos do Hospital Municipal. Oito equipamentos, que não estavam em uso, não foram localizados.

Não devolução - A direção da Fundação de Saúde tenta identificar a causa ou causas do desaparecimento. Não está descartada a possibilidade de que os equipamentos tenham sido emprestados.

Novinho em folha - Um dos aparelhos está avaliado em R$ 400 mil. Outros eram mantidos nas caixas. Nunca foram utilizados.   

Dialogo aberto – Um fator positivo é destacado em relação à atual secretaria da Saúde, Patrícia Foster Ruiz: o dialogo. Ela tem conversado com os médicos que cobram honorários devidos pela Prefeitura. Um grupo de 43 profissionais, que atuaram no Pronto Atendimento, UPA e no Samu, recorreu à justiça.

Impugnação mantida - Por unanimidade de votos o Tribunal Regional Eleitoral manteve a impugnação da candidatura de Paulo Mac Donald Ghisi a prefeitura de Foz. Logo após tomar conhecimento da decisão, a assessoria do candidato anunciou que apresentará recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Prisão prorrogada - O delegado Waner dos Santos Neves, da Polícia Judiciário Civil do Mato Grosso, informou que o candidato a prefeito, Túlio Bandeira, está preso temporariamente em um quartel do corpo de bombeiros de Juína. A condição diferenciada é prerrogativa da profissão. Túlio é advogado.

Pediram providências - Na semana passada a defesa do candidato emitiu nota afirmando que não sabia onde ele se encontrava. O delegado, contudo, informou que não havia sido contatado pelos advogados do acusado.   

Comissão Processante - Os advogados do prefeito afastado, Reni Pereira, apresentaram a defesa contestando as acusações apresentadas pela Comissão Processante. Porém, ainda não obtiveram resposta. Desde a prisão do vereador Zé Carlos, presidente da Comissão, não há avanço nos procedimentos. A Câmara espera pela resposta do Tribunal de Justiça sobre a prisão do vereador. Enquanto isso, os trabalhos estão parados.

Rotina mantida - A defesa do vereador Zé Carlos, preso por ordem do Tribunal de Justiça do Paraná, afirma que está recorrendo. Enquanto isso, o vereador segue como presidente da Comissão Processante e como candidato a reeleição.

Segunda via - Foz do Iguaçu passará a contar com o programa RG Rápido que permite retirar a segunda via da identidade pela internet. Entretanto, é preciso que o solicitante tenha feito o documento no Paraná e nos últimos três anos. O sistema não permite alteração de dados ou imagens. Alterações exigem o agendamento e comparecimento no Instituto de Identificação.

Abaixo da meta - Faltando quatro dias para o encerramento da campanha de vacinação contra a dengue, apenas 14 mil pessoas, entre 15 e 27 anos, foram imunizadas. A expectativa era de que 60 mil pessoas recebessem a primeira dose da vacina.

Carros novos - A 9ª Regional de Saúde de Foz do Iguaçu foi uma das beneficiadas na distribuição dos novos veículos adquiridos pelo governo do Estado. A regional recebeu dois veículos que atenderão as equipes de saúde e servirão de suporte nas campanhas de vacinação.

Megaoperação Impacto - Nas operações bate-grade em 16 das 33 penitenciárias de Paraná, foram apreendidos cerca de 150 aparelhos celulares e 112 carregadores. Drogas e pequenos objetos improvisados completam a lista de itens apreendidos.

Menos burocracia - O Corpo de Bombeiros do Paraná está otimizando o processo de regularização de pequenas e microempresas no Estado. Inserida num processo de readequação do Processo de Licenciamento Prévio de Regularização de Empresas, uma ferramenta virtual acelera a liberação de alvará.

Maior celeridade - O processo dispensa a vistoria preliminar no imóvel. Se a empresa estiver no baixo risco, a liberação do documento é gratuita. A primeira vistoria, no entanto, tem custo. A proposta complementa o serviço implantado em Foz do Iguaçu.

Motoristas apressadinhos - A cada minuto dois motoristas são multados por excesso de velocidade no Paraná. Em oito meses foram aplicadas quase 651 mil multas. Esse tipo de notificação lidera a lista de infrações mais cometidas pelos paranaenses.

Pé de chumbo – Pelo menos nove mil motoristas foram flagrados dirigindo acima de 50% da velocidade máxima indicada. Em seguida, aparece transitar entre 20 até 50% acima do permitido, com mais de 93 mil registros. Transitar acima da velocidade máxima permitida em até 20% representou 548 mil multas no período.

Idade conta - Com base no Estatuto do Idoso, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE) entende que o critério de idade deva ser adotado como o primeiro fator de desempate nos concursos. O artigo 27, parágrafo único, da Lei nº 10.741/03 garante preferência ao de idade mais elevada.

Etimologia – Para não dizer que não falei das flores: A palavra primavera tem origem no latim. “PRIMUS” (inicial) e “VERE” (estação). Na Europa era a primeira estação do ano. No Brasil a primavera começa no dia 23 de setembro.