28°
Máx
17°
Min

Luz no fundo do túnel para a liberação de alvarás

Buscando saída - A Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu pretende criar um grupo de apoio para colocar em dia os processos  de liberação de alvarás que aguardam análise nos escaninhos das secretarias.

Erros complicam – O Corpo de Bombeiros em Foz do Iguaçu conta com cinco analistas que fazem a inspeção para liberar os projetos de prevenção e combate a incêndio. O comando aponta que casos simples complicam em razão de erros nos projetos e a necessidade de nova inspeção.

Lista de espera - De acordo com o comandante, Major Rogério Schreiber, o Corpo de Bombeiros está dando mais celeridade nos projetos em trâmite e os prazos estão diminuindo. Existem 190 projetos em lista de espera para analise.

Tirando a poeira - Depois de quase dois anos engavetada a proposta que trata da efetivação de projetos de desenvolvimento e inovação tecnológica no município será, finalmente, discutida. O Conselho de Desenvolvimento de Foz do Iguaçu e a Prefeitura Municipal formaram um grupo de trabalho para dar seguimento aos trabalhos.

Plano de governo - Os membros do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Foz do Iguaçu (Codefoz) participam de reunião ordinária do Plenário nesta quarta-feira (10), a partir das 18h30, no Auditório da Delegacia da Polícia Federal. Durante o encontro será definida a pauta a ser apresentada aos Candidatos à Prefeitura nas Eleições 2016.

Carta-compromisso - O I Fórum de Mobilidade Urbana de Foz do Iguaçu (Mobi Foz 2016) termina nesta quarta-feira (10) com a elaboração de uma carta-compromisso contendo propostas na área de mobilidade. O documento será entregue aos candidatos que disputarão a Prefeitura em outubro.

Correção legislativa – Uma emenda a Lei Orgânica Municipal regulou o rito do recebimento de denúncia no processo de cassação do mandato do Prefeito pela Câmara.  O texto anterior “por voto da maioria simples” foi substituído pelo texto:  “por voto de dois terços de seus membros”.

Prevenção necessária - O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) realiza uma série de atividades voltadas à prevenção da Leishmaniose. Em Foz do Iguaçu, foram registrados três casos da forma mais grave da doença e um óbito.

Conforto espiritual - Líderes religiosos participaram de um encontro com equipes setoriais do Hospital Municipal de Foz do Iguaçu (HMFI) com objetivo de promover o diálogo, instruir e sanar dúvidas dos representantes sobre as visitas aos doentes.

Rompimento deliberado - Policiais civis encontraram mais uma tornozeleira eletrônica jogada em via pública. Desta vez foi na Favela do Bolo, região do Jardim Jupira, próximo da fronteira com o Paraguai. Os investigadores vão usar o número de série para saber quem é o detento que deveria estar com o equipamento.

No ponto - Não é a primeira vez que esse tipo de ocorrência é registrado. Recentemente um passageiro do transporte coletivo encontrou uma tornozeleira eletrônica rompida jogada em um ponto de ônibus próximo da ponte da Amizade.  

Flagrantes e emergências - A Polícia Civil realiza paralisação nesta quarta-feira (10). O protesto deve durar 48 horas. Somente flagrantes e serviços emergenciais serão atendidos.

Reforço na segurança - Um equipamento de reconhecimento facial começa a operar no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu nesta quarta-feira (10). O sistema será apresentado pelo delegado da Receita Federal, Rafael Dolzan. 

Mais investimentos - Os números do primeiro semestre mostram que o Governo do Estado aplicou 28,8% a mais na área da saúde na comparação com o mesmo período do ano passado. O investimento no setor atingiu R$ 1,67 bilhão e representou 12% da receita líquida.

Mais arrecadação - Com a equalização das alíquotas de ICMS e de IPVA, no primeiro semestre deste ano, o Paraná arrecadou R$ 14,82 bilhões. Municípios também foram beneficiados com o aumento na arrecadação dos tributos.

Vacinação pioneira - Um pré-cadastro deve facilitar o atendimento do público-alvo da campanha estadual de vacinação contra a dengue. O cadastramento pode ser feito pelo site vacinadengue.saude.pr.gov.br, e está disponível, também, para as cidades de Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu e São Miguel do Iguaçu.

Municípios prioritários - A campanha começa neste sábado (13) e vai até três de setembro, em 30 municípios. A expectativa é imunizar cerca de 500 mil pessoas com a primeira dose. Em fevereiro e agosto do ano que vem serão aplicadas doses de reforço. O Paraná será o primeiro Estado das Américas a ofertar gratuitamente a vacina à população. A vacinação é direcionada a jovens e adultos entre 15 a 27 anos.

Botão de pânico - A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou projeto de lei que implementa em centrais de segurança do Paraná um botão de emergência para mulheres ameaçadas pela violência doméstica e familiar. O acionamento do botão exige que uma viatura atenda imediatamente a ocorrência. O projeto volta ao Plenário nesta quarta-feira (10).

Impunidade lesiva - Durante a audiência pública na Comissão Especial de Combate à Corrupção na Câmara Federal, o procurador da República Deltan Dallagnol afirmou que há impunidade em 97% dos casos de crimes de corrupção no Brasil. Segundo Dallagnol, a probabilidade de punição é de apenas 3%. O estudo é da Fundação Getúlio Vargas.