22°
Máx
14°
Min

O gargalo dos projetos de prevenção e combate a incêndio

Ponta do iceberg - O Corpo de Bombeiros notificou pelo menos 40 imóveis onde funcionam pontos de mototáxis. Falta o projeto de prevenção e de combate a incêndio, documento obrigatório em todas as edificações.  

Só em sala comercial  -  O sindicato dos mototaxistas está solicitando a autorização para instalar pontos nas calçadas. Porém segundo o Foztrans, o pedido contraria a legislação. A lei que autoriza a prestação do serviço exige a instalação dos pontos em salas comerciais.  

Tem mais - O setor de fiscalização da Secretaria da Fazenda da Prefeitura de Foz do Iguaçu, que acompanha a fiscalização do Corpo de Bombeiros, avalia que aproximadamente 800 edificações apresentem a mesma irregularidade relacionada aos projetos de prevenção e combate a incêndio.

Baixa adesão - A Justiça Eleitoral em Foz do Iguaçu segue fazendo o chamamento de mesários voluntários nas eleições municipais em outubro. Até agora apenas 40% das vagas foram preenchidas.

Invasão do Bubas -  Como o proprietário do imóvel insistiu no pedido de reintegração de posse da área de 40 hectares que abriga a maior ocupação urbana do Paraná, a Defensoria Pública vai defender os moradores da invasão do Bubas de forma coletiva. A decisão não impede, entretanto, que individualmente o morador procure um advogado particular.

Tudo azul - Desde a terça-feira (260, pelo segundo ano consecutivo, a Itaipu Binacional ilumina de azul a fachada de algumas de suas principais edificações. A ação é uma homenagem à campanha Coração Azul, que marca o Dia Mundial Contra o Tráfico de Pessoas, no dia 30 de julho. A iluminação especial permanecerá acesa todas as noites, até domingo (31).

Atividade lucrativa - Apesar de a polícia ter dificuldade em tipificar os casos de tráfico, pesquisas apontam que 24 milhões de pessoas são traficadas todos os anos no mundo. O crime é considerado a terceira atividade ilícita mais lucrativa, movimentando cerca de US$ 32 bilhões. Perde apenas para o tráfico de drogas e armas.

Cor significativa - O azul foi escolhido pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) por representar a liberdade e, ao mesmo tempo, a tristeza das vítimas.

Leilão de veículos - O Instituto de Transportes e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans) realiza leilão de 288 veículos, entre carros e motos conservados para circulação, e sucatas nacionais e estrangeiras.

Visita liberada - Os itens disponíveis podem ser conferidos nesta quarta-feira(27) e quinta-feira (28), das 8h às 12h e das 14h às 17h30, no pátio do órgão. O interessado deve apresentar um documento com foto. O leilão começará na sexta-feira (29), às 9h, no pátio do SEST/SENAT.

Item destacado - Do total, 68 são veículos para circulação, sendo 43 motos e 25 carros, e 220 sucatas, sendo 44 motos nacionais, 99 motos paraguaias, 73 carros nacionais e 4 carros paraguaios. Neste leilão, o destaque é um carro Pajero 4x4 apto para circular. Seu lance mínimo é de R$ 15 mil reais.

Contra dengue - O Governo do Paraná vai imunizar 500 mil pessoas contra a dengue nos 30 municípios com maior circulação viral da doença. O investimento, na aquisição das doses da vacina, atinge R$ 50 milhões. A vacinação começa dia 13 de agosto.  

Região oeste - Os locais escolhidos foram apontados por critérios técnicos e maior risco de novas epidemias. A lista de municípios atendidos inclui Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu e  São Miguel do Iguaçu.

Sem previsão - Enquanto o Paraná investe recursos próprios na vacinação, não há previsão de orçamento e nem autorizações para que a vacina seja incorporada nacionalmente pelo SUS. A informação é do ministro da Saúde, Ricardo Barros.