28°
Máx
17°
Min

A lógica nem sempre prevalece

O Londrina era favorito contra o Sampaio Corrêa. Empatou. Era favorito contra o Goiás. Perdeu. E mais uma vez é favorito, agora diante do Joinville, neste sábado, no Estádio do Café. O torcedor pergunta: novo tropeço? O técnico Claudio Tencati entende que é hora de superar esse bloqueio, mais psicológico do que técnico e tático. O campeonato tem mostrado que o favorito nem sempre ganha. Exemplo maior é o Vasco da Gama que empatou em casa com o Sampaio Corrêa e perdeu para o Vila Nova.

Mesmo vencendo o Joinville, dificilmente o Londrina entrará no G-4. Com 37 pontos, seria superado pelo Ceará que joga em casa contra o Avaí e deve chegar aos 40 pontos. E o Brasil, que também joga em casa diante do Goiás e pode alcançar os 39 pontos.

A campanha do Joinville fora de casa: 3 vitórias (Tupi, Avaí e Criciúma);  1 empate (Luverdense) e 7 derrotas (Bahia, Náutico, Paysandu, Paraná, Brasil, Bragantino e Vila Nova).