22°
Máx
16°
Min

Fato raro

Hoje em dia no futebol brasileiro um técnico permanecer 200 jogos num mesmo time é uma situação pouco incomum. Claro que existem algumas exceções. E Claudio Tencati é uma delas. Há pouco mais de cinco anos à frente do Londrina Esporte Clube, pegou a equipe na segunda divisão paranaense, subiu para a primeira, foi campeão estadual e duas vezes campeão do interior. No Campeonato Brasileiro, subiu da Série D para a Série C e hoje o Tubarão faz bonito na Série B. Sábado, Tencati poderá comemorar a data com festa. Vai depender dos jogadores. Eles não vão decepcionar o homem dos 200 jogos.

Que o Zé Rafael fará muita falta contra o Oeste, sábado, 18h30, ninguém discute. Mas o elenco é numeroso e o treinador tem algumas opções. E a definição sai após o coletivo de hoje. Germano, Anderson, Filipe Soutto e Rondinelly (atuando como meia-atacante)? Ou Germano, Filipe Soutto, Rondinélly e Júlio Pacato( vem de contusão e não joga há algum tempo), ou Igor Miranda. Tem ainda Lucas Machado e Marcus Vinicius. E sem falar no Netinho. Mas Tencati diz que, com Netinho, o meio campo fica muito cadenciado. E para marcar a defesa do Oeste sob pressão, vai precisar de jogadores mais rápidos. Eu é que não vou discordar.