21°
Máx
17°
Min

Como Nunca x Como Sempre

A seleção brasileira se apresentou para a batalha por uma medalha de ouro Olímpico. Eu não paguei a prestação da bola de cristal, mas devo confessar que depois de ver o técnico Tite assistindo jogos de equipes brasileiras nos estádios do Campeonato Brasileiro e o trabalho do técnico Rogério Micale sendo valorizado, me deu vontade de acreditar nesse grupo que está comandando o futebol. Do Tite para baixo, são profissionais competentes e que tem currículos que os colocam nos postos para os quais foram chamados. Fica a pergunta. Por quê a CBF não fez isto antes?

Eu vi uma entrevista do atacante Walter, do Atlético após o jogo que terminou empatado contra o Vitória e em palavras muito simples, o cara definiu o resultado que engasgou. Vencer o Cruzeiro no Mineirão foi um ótimo resultado, mesmo sabendo que o Cruzeiro não está bem das pernas. Depois, fica se preparando mais uma semana para jogar em casa contra o Vitória e apenas empata. Todo o esforço em viajar e faturar 3 pontos ficou parado no empate que o Vitória arrancou na “unha” dentro da Arena. Fica a dor do prejuízo.

Se você somente olhar a tabela de jogos, vai perceber que seria natural perder para o Galo no Independência. Mas, quem viu o jogo, percebeu que em muitos momentos o Coxa estava com o jogo dominado e o Atlético Mineiro não conseguia encaixar as jogadas de efeito. Bastou um contra ataque e o Coritiba perdeu um jogo que estava na mão. A velha piada pronta: O Coritiba começou o jogo como nunca e terminou como sempre!