22°
Máx
17°
Min

Euro ou Copa América?

Enquanto rola a Copa América, que eliminou Brasil e Uruguai na primeira fase, vejo também os jogos da Euro. Na minha opinião, a Euro tem muito mais qualidade técnica, individual, coletiva e jogos bem mais equilibrados. A única diferença das Copas Américas anteriores para esta centenária edição, é que os Estados Unidos sabem organizar eventos e construir locais de jogo. A Copa América tem muitas faltas violentas, seleções ruins tecnicamente (no fundo todo mundo tem pena de Haiti, Bolívia e torcem pela Venezuela, mas a gente sabe que são simpáticos e fracos) e aquela velha característica impregnada na história do futebol sul americano, que hoje não cola mais. Um passe de longa distância de Wayne Rooney, um gol de Cristiano Ronaldo, uma defesa de Manuel Neuer para mim está valendo mais a pena assistir. E pensar que o Brasil ensinava o mundo a jogar bola.

Vamos para a nona rodada do Campeonato Brasileiro e eu já ouço de atleticanos e coxas que seu time vai brigar para não cair. Infelizmente, é o conjunto da obra histórica. Os torcedores dos clubes estão desanimados e ainda nem chegamos à metade do Campeonato Brasileiro. Recentemente, o Atlético foi mais longe, com uma oportunidade do rubro-negro na Libertadores de 2014, mas mesmo assim escapou na primeira fase do torneio continental. No mais, é só brigando mesmo na parte de baixo. Está na hora de mudar isto!

Boa sorte ao Hélcio, ex-jogador do Paraná, que agora é o novo executivo do futebol do clube. Junto com a comissão técnica de Marcelo Martelotti, vai começar sua nova função. Conheci Hélcio ainda antes de trabalhar com o esporte e tenho certeza que dedicação é um pré-requisito que este ex-jogador tem de sobra.