23°
Máx
12°
Min

Clarão e boatos assustam moradores de Curitiba e região metropolitana

Um grande clarão que podia ser visto a quilômetros de distância na noite desta terça-feira (13) em Curitiba e na região metropolitana. Não demorou muito para diversos boatos sobre explosões e um grande incêndio se espalharem pelas rede sociais. 

Várias fotos de incêndios rapidamente rodaram em grupos do Whatsapp e, assustados, moradores da região acreditaram que realmente seria um grande incêndio na refinaria da Petrobrás em Araucária, onde a olho nu era possível ver um grande clarão e labareda.

Logo após as fotos serem divulgadas em uma rápida pesquisa, descobrimos que uma das fotos se tratava de um incêndio em uma refinaria de petróleo que aconteceu em 2012 na Venezuela.

(Foto: Daniela Primera/AP)(Foto: Daniela Primera/AP) 

Outra foto que circulou nos grupos e também recebemos da Maria Lima pelo twitter chamou a atenção pelo tamanho das labaredas.

Reprodução: TwitterReprodução: Twitter 

Não demorou para que mais um boato caísse por terra. Em uma nova pesquisa, conseguimos descobrir que a foto deste grande incêndio na real aconteceu no navio Maersk Londrina a cerca de 700 milhas náuticas a Nordeste de Port Louis, nas Ilhas Maurício em 2015. Na ocasião, o navio seguia para o Brasil carregado de contêineres.

Reprodução: Conexo.com.brReprodução: Conexo.com.br 

Um funcionário da Repar, que não quis se identificar, relatou que tudo não passou de um procedimento de ligação de  uma das unidades que estava em manutenção. Quando ela é ligada, todo o material que está nas tubulações tem que ser eliminado, onde ocorre a queima destes resíduos. O procedimento é normal, seguro e acontece periodicamente.

Foto: João Frigério/Plantão190Foto: João Frigério/Plantão190