21°
Máx
17°
Min

Dilma agride a Justiça, que reage: “Somos todos Moro”!

Na cerimônia vergonhosa de posse do presidente de fato do Brasil, o fugitivo Luís Inácio Lula da Silva, a presidente@ deposta Dilma Rousseff fez duros ataques ao juiz federal Sérgio Moro (embora sem nominá-lo), a quem acusou de participar de uma “conjuração golpista” e de violar os direitos individuais.

Ela não conteve o furor por ter grampeado telefonema que fez a Lula (ele era o monitorado, não ela) no qual deixa claro que a nomeação dele visava a evitar sua eventual prisão.

Dilma agrediu Moro, o chefe da Lava Jato – que acumula evidências de que Lula é o chefe da maior organização criminosa da história brasileira – e feriu a Justiça.

E a Justiça está se manifestando em todo o Brasil em defesa de Moro. Aqui e ali, de norte a sul desse Brasil varonil, juízes.

Acompanhe José Pedriali