26°
Máx
19°
Min

E agora, petralhas? Moro os desmente, manda prender Cunha e é obedecido

Um dos mantras mais repetidos pelos petralhas desde que as investigações da Lava Jato convergiram para o chefão Lula era que o juiz federal Sergio Moro não ousaria mandar prender Eduardo Cunha.

E não ousaria mesmo, porque, por mais enrolado que estivesse, Cunha tinha foro privilegiado e, portanto, estava fora da alçada da justiça de primeiro grau.

Cunha foi deposto da presidência da Câmara, teve seu mandato cassado, e seus processos começaram a ser remetidos pelo STF para o juiz Moro.

Que, ao receber o primeiro - e isto aconteceu no final da semana passada -, deu dez dias de prazo para Cunha se defender. Nesse caso, da acusação de manter contas secretas na Suíça.

Pois hoje o juiz mandou prender Cunha preventivamente. Ordem dada, ordem executada.

E agora, petralhas?

Preparem-se: pois se o juiz encontrou motivo para prender Cunha, os há de sobra para que mande prender Lula...

Acompanhe www.josepedriali.com.br