24°
Máx
17°
Min

Um golpe em cadeia nacional de rádio e tevê. E sob gritos de “não vai ter golpe”

A cerimônia de posse de Lula e dos ministros da Aviação Civil e Justiça foi uma autêntica plenária do PT, com bandeiras, camisetas, bonés e chapéus vermelhos e palavras de ordem.

“Não vai ter golpe”, foi um dos mais usados – e justamente numa cerimônia em que se oficializou 1) o golpe malandro de nomear Lula ministro para lhe dar foro privilegiado e 2) a abdicação de fato de Dilma em favor de seu mentor Lula.

O golpe, que o PT injustamente acusava seus adversários de estarem tramando por meio do Congresso e da Justiça (!), foi perpetrado hoje. Em cerimônia oficial no Planalto, pela presidente@ deposta da República, com a cumplicidade de ministros e militantes petralhas – e em rede nacional de rádio e televisão.

Quanto mais afundamos, mais nos distanciamos do fundo do poço moral perfurado pelo PT!

Acompanhe José Pedriali