24°
Máx
17°
Min

"A prefeitura não será conivente e omissa", diz Ney após manifestação violenta

Horas depois da manifestação violenta que acabou com a sede do PMDB de Curitiba depredada durante os manifestos contra o governo Temer, o candidato a prefeitura Ney Leprevost (PSD) vistoriou os estragos cometidos pelos vândalos. 

"Me causou extrema indignação ver a pichação em estabelecimento comercial de casal de idosos que vendem espetinhos para ganhar a vida. Sou defensor intransigente da liberdade de expressão e do diálogo democrático entre todas as correntes de pensamento. Não tolero ataques contra o patrimônio privado. Para mim quem vandaliza e picha  propriedades é criminoso. A partir de 2017 a prefeitura não será conivente e nem omissa. Vou administrar a cidade com mão firme contra os que desrespeitam o cidadão", afirmou Leprevost.

O caso será agora investigado pela Polícia Civil do Paraná.