24°
Máx
17°
Min

STF compartilha inquérito contra Gleisi e Paulo Bernardo

(Foto: Divulgação) - STF compartilha inquérito contra Gleisi e Paulo Bernardo
(Foto: Divulgação)

O ministro Teori Zavascki do Supremo Tribunal Federal (STF), relator dos processos envolvendo a Lava Jato, autorizou o compartilhamento do inquérito que investiga a senadora Gleisi Hoffmann e o ex-ministro Paulo Bernardo -- ambos do PT -- com a Advocacia Geral da União (AGU).

De acordo com a decisão do ministro, a AGU pedia acesso integral aos autos, "como também a respectiva autorização para utilização das provas neles produzidas, para que sejam adotadas as medidas judiciais de natureza cível e administrativa na defesa dos interesses do ente central”, diz um trecho da petição do Advogado Geral.   

Gleisi e Paulo Bernardo são investigados por desvio de dinheiro da Petrobras -- recursos estes que teriam abastecido a campanha da senadora em 2010. 

O casal teria recebido R$ 1 milhão em propina das mãos de um empresário de Curitiba. O dinheiro teria vindo de transações financeiras fraudulentas, envolvendo os desvios da Petrobras, do doleiro Alberto Yousseff -- que confirmou o repasse.