21°
Máx
17°
Min

TJ pode decidir nesta quinta sobre soltura do ex-deputado Bertoldi

Os desembargadores da 4º Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná devem julgar nesta quinta-feira (5) o habeas-corpus que pede a revogação da prisão do suplente de deputado federal Osmar Bertoldi (DEM). Ele está desde fevereiro de 2016 detido numa das celas do Complexo Médico Penal (CMP), em Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. 

Bertoldi foi preso na cidade de Balneário Camboriú, em Santa Catarina. O Ministério Público Estadual apresentou denúncia contra ele depois que a ex companheira relatou uma série de agressões.  As acusações foram feitas de ambas as partes.   

O relator do habeas-corpus é o desembargador Celso Jair Mainardi. A sessão desta quinta é uma continuidade do julgamento da semana passada, que foi interrompido com um pedido de vistas. O advogado Cláudio Dalledone, que defende Bertoldi, diz estar confiante numa decisão favorável pela soltura do cliente, mas que em caso negativo, irá recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).