22°
Máx
17°
Min

Denise Stoklos visita o campus Irati da Unicentro

(Foto: Marina Lukavy) - Denise Stoklos visita o campus Irati da Unicentro
(Foto: Marina Lukavy)

A atriz Denise Stoklos esteve em Irati e apresentou-se para o público com a leitura de peças de seu repertório, num evento intitulado ‘Gestos textuais do teatro essencial’. A atriz também visitou o campus Irati da Unicentro e pode relembrar sua carreira através de cartazes de espetáculos e materiais publicados por jornais do mundo todo, que estão arquivados junto ao Centro de Documentação e Memória (Cedoc). Denise também esteve no auditório principal do campus que leva o seu nome.

“Irati é tudo para mim, porque além de ser a minha raiz, onde comecei a fazer teatro, sempre me recebem muito bem aqui. Ainda sou animada por essas forças e por esses estímulos de pessoas maravilhosas. Tenho um amor por esse Auditório Denise Stoklos, acredito que é uma das homenagens maiores que já recebi, tanto quanto o título de Doutora Honoris Causa da Unicentro que me foi dado”, destaca a atriz.

Reconhecida internacionalmente, a atriz está buscando apoio para o projeto de criação do Festival Internacional Denise Stoklos de Solo Performance, o Fids, que será realizado em Irati. O projeto já está estruturado e vinculado a Lei Rouanet, do Ministério da Cultura.

“Este projeto é para tornar Irati a sede, o polo de teatro solo, aquele teatro que o artista faz sozinho. Ele escreve, dirige e se apresenta sozinho, quase sem nada, sendo ele o fundamento, chama-se teatro essencial. Como sou considerada a maior do mundo solo performer, que esteve em mais países, que se apresentou em diferentes idiomas, que tem tantas peças solos, nada mais natural de que Irati seja o polo de solo performance”, salienta Denise.

Além de ser um festival que vai apresentar peças vindas do mundo inteiro e de várias cidades do Brasil gratuitamente, todos que se apresentarem também vão dar aulas gratuitas para quem for da região. “No primeiro ano só vai ter atores que nunca fizeram teatro, no segundo ano teremos atores que já fizeram suas primeiras aulas, no terceiro ano, vai ter atores que fizeram dois anos de aula e assim por diante, até se tornar aqui uma cidade que é especialista. Para se assistir solo performance as pessoas vão ter que sair do Rio de Janeiro, de São Paulo para vir aqui, e a cidade vai se movimentar”, complementa a atriz.

O primeiro passo para a concretização do Festival Internacional Denise Stoklos de Solo Performance já foi dado: a aprovação de financiamento pela Lei Rouanet. Agora, é preciso captar os recursos necessários e toda a comunidade pode ajudar nessa empreitada – de empresas a pessoas físicas.

“É a mesma coisa do que se pagasse o imposto. Estou convidando a todos a entrarem com um pouquinho que seja, porque vai juntando e com isso chegamos ao valor que é necessário para fazer esse festival. É um dinheiro para a cultura, e seu nome ficará lá registrado e será feita publicidade enorme como é dentro da Lei Rouanet, a resposta que se dá para quem doar para a arte. Com certeza vai ficar marcado na história, e para que coisa mais bonita do que marcarmos por causa de arte, não é? Então bem-vindos ao Fids – Festival Internacional Denise Stoklos de Solo Performance”, ressalta Denise.

Colaboração Unicentro.