21°
Máx
17°
Min

Expo Foto Diretriz apresenta trabalhos de fotógrafos em Curitiba

A galeria Diretriz Arte Contemporânea, de Curitiba, inaugurou, no último dia 5, sua 1ª Expo Foto Diretriz, que traz ao público, para contemplação e aquisição, trabalhos de cinco fotógrafos da capital paranaense: Christiane Hoffrichter, Kristiane Foltran, Lucas Pontes, Orlando Azevedo e Vilma Slomp. Para marcar a abertura da mostra, os galeristas Luis e Zuleika Bisacchi receberam os artistas e convidados em vernissage, no shopping Pátio Batel.

Sobre  os artistas

Christiane Hoffrichter nasceu em São Paulo, em outubro de 1965, onde se graduou pela Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), em Artes Plásticas - Comunicação Visual. Na faculdade, teve seus primeiros contatos com fotografia analógica e laboratório. Atuou nas áreas de design gráfico, estamparia e dança de salão. Em 1990, mudou-se para Curitiba e retomou a fotografia. Desde 2012, mergulhou intensamente no mundo digital. Recentemente, participou de exposições coletivas, do 2° Festival de Fotografia do Sertão e do 12° Salão Nacional de Fotografia Pérsio.

Kristiane Foltran é curitibana, nascida em 1978, e atua como artista visual e designer gráfica. Durante sua formação acadêmica, na Pontifícia Universidade Católica do Paraná, teve contato com fotografia analógica e laboratório. Aprofundou seus estudos fotográficos a partir de 2008, tendo participado do Liberdade Fotográfica (Escola Portfolio) entre 2010 e 2014. Simultaneamente, em 2013, criou o Grupo Ta Da Ça, para discussões artísticas, produção e construção de novas linguagens, com fins expositivos e mercadológicos. A partir de 2015, passou a questionar o suporte fotográfico e investiu no estudo de novos materiais que pudessem sustentar sua linguagem visual. Sua trajetória artística conta com seleções e colocações em inúmeros editais, concursos e exposições nacionais e internacionais.

Lucas Pontes fotografa há mais de quinze anos e, a cerca de sete, atua comercialmente em diversas áreas da fotografia. Como fotógrafo autoral, é especializado em projetos com foco na geografia e cultura brasileira, em especial das paisagens, religiosidade e culturas tradicionais. Já teve fotos premiadas em concursos nacionais e internacionais. Realizou diversas exposições coletivas e uma exposição individual sobre a Serra Catarinense. Está editando seu primeiro livro individual, "Mar de Nuvens", sobre as montanhas da Serra do Mar paranaense. Como produtor cultural, coordena a Roda de Fotógrafos, evento mensal voltado ao fomento e difusão da fotografia curitibana e brasileira.

Orlando Azevedo nasceu em 1949, na Ilha Terceira (Açores, Portugal) e vive no Brasil desde 1963. Formado em Direito, dedica-se profissionalmente à fotografia documental em projetos especiais, assim como à criação autoral, em seu estúdio em Curitiba. É especializado em expedições e projetos de longa duração, como Coração do Brasil. Além de museus e institutos culturais nacionais, suas obras fazem parte dos acervos do Centro Internacional de Fotografia, em Nova York, do Centro Georges Pompidou e do Museu Francês de Fotografia, em Paris, e outros. Entre as dezenas de curadorias, realizou a 1ª, 2ª e 3ª Bienal Internacional de Fotografia de Curitiba, além da mostra Território Sagrado, na Diretriz Arte Contemporânea.

Vilma Slomp nasceu em 1952, em Paranavaí (PR), mas vive e trabalha em Curitiba. Em 1998, foi contemplada com o Prêmio Internacional da Fundação Hasselblad, concedido pela fundação sueca Hasselblad. Obras suas compõem os acervos de diversos museus e institutos de cultura nacionais e, ainda, do Museu Wilfredo Lan e Fototeca (Cuba), do Museu Francês de Fotografia (França), do Museu de Arte da Universidade de Harvard (EUA), entre outros. Vilma também já expôs individualmente no Museu Oscar Niemeyer, em Curitiba, na Pinacoteca do Estado de São Paulo, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, no Museu de Arte de Brasília e outros.

Sobre  a Diretriz

Inaugurada em dezembro de 2015, a Diretriz Arte Contemporânea realiza um trabalho de responsabilidade, critério, coerência, integridade e respeito aos artistas e ao público apreciador das artes, em suas diversas linguagens. Trata-se de um espaço de contemplação e cultura, onde o investidor tem a oportunidade de apreciar e adquirir obras de artistas já consagrados, assim como daqueles que estão despontando no meio.

Serviço

Diretriz  Arte Contemporânea

Shopping Pátio Batel - Piso L3 - Loja 329

De segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 20h.

Mais informações:

www.artediretriz.com.br

www.facebook.com/diretrizarte

Instagram: @diretrizarte

Colaboração Assessoria de Imprensa.