22°
Máx
14°
Min

Companhia brasileira de teatro leva "Projeto Brasil" para apresentações na Alemanha

(Foto: Divulgação / Assessoria de Imprensa) - Companhia brasileira de teatro leva "Projeto Brasil" para apresentações na Alemanha
(Foto: Divulgação / Assessoria de Imprensa)

O espetáculo "Projeto Brasil", mais nova montagem da companhia brasileira de teatro, vai ganhar uma escala internacional entre o final de maio e início de junho. Nesta sexta-feira (27) e sábado, terá sessões em Dresden, no Europäisches Zentrum Derkünste Dresden, na Alemanha. Já nos dias 7 e 8 de junho, chega a Frankfurt, no palco do espaço Künstlerhaus Mousonturm.

Além levar pela primeira vez para fora do país este espetáculo, o grupo também fará uma residência criativa em Dresden. A ideia é trabalhar com atores alemães e brasileiros, num processo de intercâmbio, que terá como foco a investigação para o mais novo trabalho da companhia brasileira de teatro, “Preto”.

Esta conexão nasceu de um convite do curador Matthias Pees, programador do festival, que já morou no Brasil e assistiu 'Projeto Brasil' no início do ano em Brasília.

"Acreditamos que as questões colocadas no espetáculo, e a maneira como estão articuladas, abrem a possibilidade de ressoar em outros países muito bem", explica o diretor Marcio Abreu, da companhia brasileira de teatro. "Vai ser muito importante para nós lidar com um público sem tantas referências do Brasil e também da nossa trajetória. Isto é muito estimulante e as expectativas são ótimas". Atualmente em turnê, 'Projeto Brasil' é fruto de um trabalho de dois anos de pesquisa a partir de experiências criativas da companhia, baseadas em viagens pelas cinco regiões brasileiras. Neste espetáculo, essas reverberações estão presentes de forma mais sensorial do que narrativa. “Projeto Brasil" convoca, implica, provoca através da luz, do som, de performances, de discursos e tentativas de falar. Este espetáculo foi patrocinado pela Petrobras através de seleção pública de manutenção de companhias de teatro e recentemente recebeu o prêmio de Melhor espetáculo na quinta edição do “Prêmio Questão de Crítica” - RJ. (Maio de 2016) ”.

Preto

“Este novo projeto é um desdobramento de 'Projeto Brasil', que vamos começar a montar em maio deste ano, no Rio de Janeiro, numa nova parceria com Renata Sorrah", conta o diretor Marcio Abreu. "Como o diretor do festival na Alemanha nos pediu para que algo novo fosse incluído na residência, vamos começar a realizar por lá leituras e as primeiras investigações cênicas.”

O ponto de partida para essa nova criação, são reflexões a partir dos textos de Joaquim Nabuco sobre a escravidão no Brasil.

Marcio Abreu conta ainda que é importante levar uma montagem não convencional como PROJETO bRASIL para fora do país. "É importante que nosso teatro saia do país e não por conta do lado exótico ou do clichê, que geralmente é mais divulgado no exterior", atesta. Para ele, é função do artista também reforçar o papel do teatro com espaço da liberdade de expressão. "O mundo clama por liberdade".

"Projeto Brasil" tem direção de Marcio Abreu e conta no elenco com os atores Giovana Soar, Nadja Naira e Rodrigo Bolzan e o músico Felipe Storino. A estreia nacional ocorreu no Rio de Janeiro, em outubro de 2015, após uma pré-estreia em Curitiba, onde a companhia tem sede. Sua turnê retornou então para Curitiba e depois seguiu para Brasília, Manaus, Belo Horizonte, Porto Alegre e Salvador, e estreia em São Paulo no próximo mês, em temporada no Sesc Belenzinho.

Colaboração Assessoria de Imprensa.