24°
Máx
17°
Min

Renato Borghi dá aula-espetáculo e apresenta peça irlandesa em SP

Responsável por revolucionar as artes cênicas no Brasil através da criação do Teatro Oficina e de movimentos como o tropicalismo, a contracultura e o teatro de resistência, o ator Renato Borghi continua, aos 79 anos, defendendo suas bandeiras no palco. Nesta sexta-feira, 22, e no sábado, 23, ele vai ao Centro Cultural Olido, no centro de São Paulo, para apresentar gratuitamente a aula 'Borghi em revista' e a montagem 'Fim de jogo'.

A aula-espetáculo será dada na sexta, com foco na história do teatro brasileiro. Será, ao mesmo tempo, uma apresentação performática, com Borghi apresentando projeções e cantando, e uma conversa com o público. Entre os assuntos abordados, não poderia faltar a fundação do Oficina, ao lado de Zé Celso, e a resistência artísticas durante a ditadura militar.

No sábado, é a vez da peça 'Fim de jogo', baseada na obra do irlandês Samuel Beckett. A história é sobre refugiados de uma terra devastada que jogam pela sobrevivência. O velho Hamm, interpretado por Borghi, é cego e paralítico, e Clov, vivido por Elcio Nogueira Seixas, tem um problema na perna que o impossibilita de sentar-se. Os dois vivem isolados em um abrigo junto com as figuras de Nagg e Nell - personagens mutilados na obra original de Beckett e representados, aqui, por retratos dos pais de Borghi.

Recentemente, a peça foi encenada na sala do apartamento do próprio Borghi. Os ingressos para as apresentações na Olido devem ser retirados com 1 hora de antecedência.

SERVIÇO

Borghi em revista. Sexta, 22, às 20h

Fim de jogo. Sábado, 23, às 20h

Centro Cultural Olido, Av. São João, 473, Centro