23°
Máx
12°
Min

Banda As Bahias e a Cozinha Mineira se apresenta no Teatro do Paiol

Com uma narrativa que propõe um debate acerca da posição das mulheres na sociedade brasileira – sobretudo das negras, das pobres, das indígenas e das transexuais–, a banda As Bahias e a Cozinha Mineira, apresenta o espetáculo “Mulher” no Teatro do Paiol na próxima quinta-feira (21), às 20h.

No repertório do grupo estão as releituras dos clássicos “A Preta do Acarajé”, de Dorival Caymmi, “Vaca Profana” e “Mamãe Coragem”, de Caetano Veloso, e “Fé Cega, Faca Amolada”, de Milton Nascimento e Ronaldo Bastos. 

O figurino tem um papel fundamental na representação de símbolos femininos e são protagonistas, inseridos de forma contestadora dentro de espaços urbanos e rurais. Essa mistura é uma referência direta a movimentos musicais como o Clube da Esquina e o Tropicalismo – em especial pela cantora Gal Costa, tida pelas vocalistas como uma influência na abordagem artística da liberdade corporal.

Com a intenção de ser um laço entre diversas vertente artísticas, o show “Mulher”ainda conta com a performance do artista plástico Renan Alves que, embalado pelas paisagens sonoras produzidas pela banda, elabora – ao vivo – uma obra de arte no palco.

Trajetória

As Bahias e a Cozinha Mineira lança seu primeiro disco “Mulher”, produzido entre 2012 e 2015, pelo trio de artistas Assucena Assucena, Rafael Acerbi e Raquel Virgínia. A narratividade poética e sonora do disco são as grandes tônicas da obra –“Mulher” apresenta paisagens da tradição e da modernidade da música brasileira de forma muito original e sensível.

O nome da formação se deve ao fato de que as duas cantoras, transexuais, coincidentemente tinham o mesmo apelido “Bahia”, e o guitarrista mineiro Rafael que formaria a “cozinha”sonora da banda. A banda também tem no piano e teclados Carlos Eduardo Samuel,baixo de Rob Ashtoffen, bateria de Vitor Coimbra, na percussão Danilo Moura e as intérpretes Raquel Virgínia e Assucena Assucena. A produção musical é assinada por Deivid Santos.

Serviço

As Bahias e a Cozinha Mineira
Data: quinta-feira, dia 21 de julho
Horário: 20h
Local: Teatro do Paiol
Ingressos: R$20 e R$10