26°
Máx
19°
Min

Kora Jazz abre o Festival Internacional de Vinho e Jazz

(Foto: Divulgação / Assessoria de Imprensa) - Kora Jazz abre o Festival Internacional de Vinho e Jazz
(Foto: Divulgação / Assessoria de Imprensa)

A capital paranaense vai receber pela primeira vez o Festival Internacional de Vinho e Jazz, no dia 2 de julho, na Ópera de Arame. No mesmo dia, mas em sessões separadas, alguns dos maiores nomes do jazz e blues internacional: David Bennett Cohen Blues Band (New  York), Shuffle Demons (Canadá), Kora Jazz Band  (África) e Christian Brenner (França). Para os apreciadores do jazz e vinho será uma ótima oportunidade de vivenciar estas duas paixões num mesmo evento, que alia música a degustação do bom vinho, em local e clima perfeito para aproveitar essa experiência.

Com um jazz europeu melódico e interativo, Christian  Brenner apresentará o show baseado no novo CD “Les Belles Heures”, projeto que surgiu há 4 anos, com parceiros e amigos, tocando em diferentes festivais, como o de Florianópolis, pela Aliança Francesa, em 2015, na primeira edição do Festival de Vinho e Jazz, no Jurerê Internacional. É o terceiro álbum conceitual do quinteto, composto unicamente por músicas originais. Este álbum foi realizado em duas etapas, em 2014 e 2015, sendo fruto de inúmeras viagens protagonizadas nestes 4 anos. Segundo Brenner, belas e ricas emoções marcaram este período, bem como inspiração, evocando as viagens entre dois continentes (Europa e América), as separações, reencontros, sendo o encontro de duas culturas, de dois universos musicais diferentes, mas exercendo atração e complementaridade.

Também, revela dois tipos de som, duas gravações bem distintas: uma acústica com contrabaixo acústico e piano, a outra elétrica com baixo e o som de Fender Rhodes ou Wurlitzer. Duas concepções diferentes levadas por dois solistas excepcionais evocando, de um lado, a Europa com Stéphane Mercier, e, do outro lado, o Brasil, apesar de o Cristian Faig ser argentino! No show que apresenta em Curitiba, ele vem acompanhado de Cássio Moura (guitarra), Arnou de Melo (contrabaixo e baixo elétrica), Mauro Borghezan (bateria) e Cristian Faig (flauta).

Membro ativo do Jazz parisiense, Brenner traz na bagagem mais de 2 mil apresentações e 25 anos de concertos em Paris, permitindo ao público descobrir um jazz inédito e elaborado, com a mescla de musicalidades brasileiras e européias, que despertam sensibilidade e coesão em uma música ora delicada, ora incandescente.

Brenner, que entra na programação do Festival no lugar de Assaf Kehati (Israel), já visitou Curitiba há três anos e ficou encantado, mas comenta que essa será a primeira vez que fará uma apresentação na cidade.

Brenner irá dividir a primeira sessão do Festival com Kora Jazz Band, que é um trio musical africano, fundado em 2002, que mistura jazz americano com música tradicional africana. Ou seja, um encontro entre música tradicional africana com jazz moderno; da percussão do oeste africano e afro-americana.

O evento

Ao final de cada sessão, que terá a duração de em média 55 minutos, a Adega Boulevard irá apresentar rótulos de vinhos finos e do enoturismo da região, com degustação e comercialização em taças.

“Nosso objetivo é que haja uma evolução de um festival regional para um evento a nível nacional, que ajude a promover não só a boa música, mas também o enoturismo da região. Dessa forma, dando ao evento um formato de atração cultural e turística”, explica Philip Agostini, idealizador do festival e produtor musical com mais de 40 anos de experiência nos Estados Unidos e Caribe. Ele já contratou e promoveu eventos envolvendo musicais da Broadway como Aint Misbehavin, Don't Bother Me e I Can't Cope. Também trabalhou com diversos artistas, como Harlem Globetrotters, Dionne Warwick, Stevie Wonder, The Jacksons, Ray Charles e Aretha Franklin.

Quatro cidades vão receber o Festival

O Festival Vinho e Jazz começa por Florianópolis, no Centro Integrado de Cultura, de 21 a 24 de julho; segue para Porto Alegre (RS), no Teatro do Bourbon Country , em 25 de julho; retorna para Santa Catarina, na cidade de Joinville, no Expoville, dia 1 de julho, e finaliza em Curitiba, num dos cartões postais da cidade, o Teatro Ópera de Arame, dia 2 de julho.

Programação

Festival Internacional de Vinho e Jazz 2016

 Data: 02 de julho – sábado

1ª sessão: 18 horas – Christian  Brenner e Kora Jazz Band – 35 minutos (cada)

2ª sessão: 20 horas – Shuffle Demons – 55 minutos

3ª sessão: 22 horas – David Bennett Cohen – 55 minutos

 Local: Teatro Ópera de Arame (Rua João Gava, 970), Pilarzinho.

 Ingressos: R$ 160,00 a inteira e R$ 85,00 a meia-entrada por sessão e Passaporte (inclui todas a apresentações) por R$ 260,00 a inteira e R$ 135 a meia-entrada. 

Colaboração Assessoria de Imprensa