22°
Máx
14°
Min

Com público ainda tímido, fãs do Lollapalooza reclamam do line-up 'modesto'

Sem confusão ou princípio de tumulto, os portões foram pontualmente abertos às 11h deste sábado, 12, no Autódromo de Interlagos, zona sul de São Paulo, onde é realizada a quinta edição do festival Lollapalooza Brasil. Pouca gente, na verdade, se arriscou a chegar cedo ao evento que, em 2016, tem um line-up modesto, se comparado aos anos anteriores.

A estudante de engenharia Fernanda Lopes Siqueira, 22, ganhou o ingresso de presente do tio. "Vim à força, para ser sincera. Não tem nada que goste muito ou realmente me prenda a atenção. O Mumford & Sons é minha grande aposta", afirmou a jovem.

O administrador de empresas Renan Duarte, 29, veio para assistir à apresentação de Eminem. "Acho que o Lollapalooza já foi melhor, mas ainda há bons shows. O grande lance do festival é se surpreender com as bandas e conhecer coisas novas. Confesso, no entanto, que quero ver o Eminem mesmo", diz.

Quem abriu os trabalhos do Lollapalooza 2016 foi a banda Ego Kill Talent, no Palco Axe. The Baggios, no palco Skol, e Donica, no palco Onix, dão continuidade aos trabalhos no início desta tarde de sábado, 12. Mumford & Sons, Tame Impala, Bad Religion, Of Monsters and Men e Eminem são as principais atrações de hoje.