22°
Máx
16°
Min

Demo Sul divulga mais três atrações para a edição deste ano

(foto: divulgação) - Demo Sul divulga mais três atrações para a edição deste ano
(foto: divulgação)

As novidades do Demo Sul 2016 não param! E o Festival apresentou na manhã dessa quinta-feira, 1, mais três, das 31 bandas que sobem ao palco durante a programação do ano. Na esteira dos grandes retornos de 2016 - e uma das atrações mais festejadas pela velha guarda do Rock’n Roll brasileiro - a banda Defalla é uma das atrações confirmadas para o palco principal do Demo Sul. A banda volta, depois de 13 anos sem lançamentos, em formação clássica, para apresentar seu novo trabalho, o disco “Monstro”.

A banda gaúcha não lançava novidades desde 2003, quando colocou nas prateleiras seu último ep. O retorno marca o amadurecimento total da camaleoa Defalla, que se renova desde 1985 e, tendo mergulhado de cabeça nas infinitas possibilidades do pop brasileiro, traz em “Monstro” um trabalho “mais Defalla do que nunca”.

Com formação original, o Monstro do Defalla é um emaranhado das referências que sempre acompanharam a banda. Referências que vão de Tim Maia e James Brown, David Bowie e Iggy Pop até, é claro, os clássicos roqueiros dos anos 80, como o The Cure. Porque, afinal, estamos falando de rock’n roll, que vai esquentar - e muito - a última noite do Festival Demo Sul.

Convulsão

E por falar em retornos, quem também esquenta a noite do dia 12 de Novembro é a londrinense Convulsão. A banda, que não se apresentava há 20 anos, voltou ao palco no último mês, em uma das Noites Demo Sul, e não teve saída, o público pediu mais.

Formada em 1988, a Convulsão nasceu como uma banda de Punk Rock e em 1990 transformou-se em uma banda de Trash Metal. No histórico, os meninos da convulsão tem marcas como o ano de 1992, quando foram convidados para abrir o show da banda Sepultura, no ginásio do Moringão. Atualmente, o show da Convulsão reúne clássicos do último disco da banda, como a músca “Ei Velhinho”, uma das mais conhecidas do público londrinense.

Nova guarda do rock instrumental: Muntchako

Por fim, a terceira novidade da programação é a banda instrumental brasiliense Muntchako.

Muntchako está entre as revelações do instrumental brasileiro por reunir em seu trabalho de três vivências musicais completamente distintas. São ritmos universais mesclados a batidas eletrônicas, guitarradas, sintetizadores e o bom humor dos instrumentistas experientes, que classificam a banda como “um som pra toda hora”, universalidade.

A banda Muntchako foi indicada pela produção do 26º Prêmio da Música Brasileira e pelo Correio Brasiliense como revelação da cena brasiliense em 2014 e se apresenta n dia 10 de Novembro, no palco do Valentino, que vai reunir mais quatro atrações instrumentais.

Programação completa

Além do Defalla, Convulsão e Munchako, a equipe do Demo Sul já divulgou a confirmação das bandas londrinenses Abacate Contemporâneo, The Weird Family, Montauk, Octopus Trio, The GreenGrass Brothers, Etnyah, Mucambo de Bantu, Luke de Held, Imagery, Sarará Criolo, Loladéli, Hellpath e Red Mess. E, de outras cidades e estados, o “imorrível” Di Melo, a gaúcha Bandinha Di Da Dó, De um Filho, De um Cego (Jacarezinho), Andrea Perrone (Porto Alegre), Central Sistema de Som (Curitiba), Perc3ption (São Paulo), Mocho Diablo (São Paulo), A República Imperial (Belém), Phantom Power (Porto Alegre).

(com assessoria de imprensa)