24°
Máx
17°
Min

Festival reúne Wilco e Libertines neste sábado em SP

O Popload Festival realiza sua quarta edição neste sábado, 8, para consolidar a imagem de um dos eventos anuais mais interessantes da cena musical paulistana, reunindo nomes fortes do indie anglófono - Wilco e Libertines - com um grupo de rock eletrônico experiente, no Brasil pela primeira vez - o Ratatat - com atrações interessantes de música brasileira - Ava Rocha e Bixiga 70. Maior e agora ao ar livre, o festival ocorre no Urban Stage (Rua Voluntários da Pátria, 498), na zona norte de São Paulo. Os portões abrem às 15h, e o primeiro show é às 16h. Os ingressos custam de R$ 300 a R$ 700, com direito à meia-entrada, e ainda estão disponíveis em todos os setores.

O Wilco vai subir às 20h30 num palco paulistano pela primeira vez nos 22 anos de carreira: em solo brasileiro, até agora foram dois shows no Rio, um na quinta-feira, 6, abrindo a turnê latino-americana, e o outro num já distante 2005. A banda de Illinois recentemente lançou Schmilco, o décimo disco de estúdio - uma coleção de canções com pegada acústica que funciona como espelho de Star Wars, de 2015 - mas os dois shows em São Paulo devem repassar músicas de todos os discos. A banda também toca no Auditório Ibirapuera, em um evento paralelo promovido pelo mesmo Popload, no domingo, 9, este com os ingressos esgotados.

Outro grupo que faz a estreia no Brasil com sua formação clássica é o Libertines, depois de uma passagem em 2004 sem Pete Doherty. Expoente do revival do garage rock do começo do século 21 na Inglaterra, a banda também ganhou notoriedade pelos conflitos internos entre Doherty e Carl Barat, os dois líderes do quarteto, e pelos shows explosivos. Depois de um hiato de 11 anos, pontuado por reuniões para apresentações e períodos de recuperação do vício em drogas, a banda lançou em 2015 Anthems for Doomed Youth, seu terceiro disco. O álbum, cujas canções ainda tratam do tema preferido do Libertines, ou seja, eles mesmos, foi bastante antecipado e teve boa recepção crítica no Reino Unido. Antes de chegar ao Brasil, eles fizeram um par de shows no México, onde em uma entrevista coletiva garantiram que já estão trabalhando no sucessor de Anthems. "Ficaria feliz em dizer que será um álbum de drum and bass, mas o mais provável é que não seja", brincou Carl Barat, que também contou que foi acampar com Doherty para buscar inspiração. "Começamos a escrever e fazer as melodias."

Correndo por fora e com chance de ser a bela surpresa do festival, está o duo de rock eletrônico norte-americano Ratatat. Formada em 2001 em Nova York, a dupla mistura o bate-estaca do produtor Evan Mast com a guitarra indie de Mike Stroud, que tocou com bandas como o Dashboard Confessional.

O elenco brasileiro tem Ava Rocha, artista que passeia com facilidade entre a música popular brasileira e um pop barulhento e criativo, e que no ano passado lançou Ava Patrya Yndia Yracema, disco elogiado pela crítica. E o Bixiga 70, banda já consagrada pelas apresentações enérgicas, foi chamado de última hora para substituir o Battles, banda norte-americana que teve que cancelar sua vinda ao Brasil.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.