22°
Máx
16°
Min

Grammy vai aceitar músicas lançadas apenas por streaming

(Foto: Divulgação)  - Grammy vai aceitar músicas lançadas apenas por streaming
(Foto: Divulgação)

A Academia Nacional de Artes e Ciências da Gravação, responsável pelo Grammy Awards, anunciou mudanças que vão impactar a premiação de 2017. Gravações lançadas apenas por streaming - disponibilizadas em plataformas com sistemas de assinaturas, como Spotify, Apple Music e Tidal - agora estarão qualificadas para participar das indicações do Grammy.

"Havia um grande número de artistas de renome que estavam escolhendo, principalmente por motivos filosóficos, lançar suas músicas somente em streaming, e não queríamos excluí-los", disse nesta quinta-feira, 16, Bill Freimuth, vice-presidente de prêmios da academia, em uma entrevista.

Prince e Beyonce, por exemplo, lançaram novos trabalhos com exclusividade no Tidal. Eles depois disponibilizaram as músicas no iTunes e outras plataformas. O projeto "Coloring book", de Chance the Rapper, foi lançado exclusivamente no Apple Music e poderá competir.

A categoria de melhor artista novo vai agora permitir que músicos que lançaram pelo menos cinco singles se qualifiquem. Antigamente, exigia-se o lançamento de um álbum. A categoria não é apenas para aqueles que acabaram de chegar: artistas são elegíveis até que tenham lançado três álbuns ou 30 singles.

A categoria de melhor colaboração de rap será renomeada para melhor performance cantada de rap. O prêmio não será dirigido apenas a colaborações: solos em que um artista canta e faz rap, como os feitos por Drake, Future e Chris Brown - podem competir na categoria quando a canção inclui os dois estilos de vocais. Notícia distribuída pela AP