22°
Máx
14°
Min

Músico influenciou estrelas

O jeito peculiar e delicado de Larry Carlton na guitarra influenciou muitos músicos não só do jazz, mas do rock e da música pop. O norte-americano sempre soube encaixar a nota certa no tempo certo, sem permitir que a pressa se sobressaísse diante do talento evidente. "A obra de suas mãos proporcionam graça, paixão e conhecimento atemporal. Ouvir Larry Carlton significa aprender e ser profundamente comovido por sua música", disse Sting, ex baixista e vocalista do The Police.

Walter Becker, do Steely Dan, também já falou diversas vezes sobre sua admiração pelo músico. O solo de Carlton na música Kid Charlemagne, incluída no álbum The Royal Scam, do Steely Dan, é considerado um dos melhores da história do rock.

Influenciado por Joe Pass, John Coltrane, Barney Kessel, Wes Montgomery e B. B. King, seu estilo mescla jazz, blues, smooth jazz e rock. "Ouvi Barney Kessel bem novinho, ainda na adolescência. A mágica da música está na simplicidade. O Barney Kessel é prova empírica disso. No fim das contas, é isso que acaba conquistando as pessoas", diz ele.

Ao lado de Pat Metheny, Larry Carlton é certamente o principal destaque do jazz contemporâneo feito na guitarra. Considerado por muitos um dos estilistas do gênero justamente por seu virtuosismo e precisão, o norte-americano de 68 anos é um daqueles figurões que precisa ser visto a qualquer custo, gostando de jazz ou não. Trata-se de um presentão para os amantes da boa música.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.