24°
Máx
17°
Min

Tobias Volkmann rege dois concertos da Orquestra Sinfônica do Paraná

(Foto: Fernanda Castro / AENPr) - Tobias Volkmann rege dois concertos da Orquestra Sinfônica do Paraná
(Foto: Fernanda Castro / AENPr)

A Orquestra Sinfônica do Paraná se apresenta no próximo domingo (10), às 10h30, no auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão), sob a regência do maestro convidado Tobias Volkmann. No programa serão apresentados trechos das obras de Jean Sibelius (Pelléas et Mélisande); Richard Wagner (Tristão e Isolda - Prelúdio e Liebestod); de Serguei Prokofiev (seleção de danças do balé Romeu e Julieta). 

Volkmann também regerá o concerto de 17 de abril (às 10h30, no Guairão), com composições de Edvard Grieg: Peer Gynt Suite nº 1, Op. 46; Piotr Ilytch Tchaikovsky: Hamlet, abertura fantasia; Johannes Brahms: sinfonia nº 3 em fá maior, Op. 90. 

Volkmann

Maestro titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e, desde 2016, principal regente convidado da Orquestra Sinfônica Nacional UFF, Tobias Volkmann é um dos destaques da nova geração de regentes orquestrais do Brasil. 

Após a conquista dos principais prêmios concedidos no Concurso Internacional de Regência Jorma Panula 2012, na Finlândia, e do Prêmio de Público no Festival Musical Olympus de São Petersburgo, em 2013, Volkmann vem construindo carreira internacional. O ponto alto desta trajetória foi a estreia na célebre sala do Gewandhaus, de Leipzig, em dezembro de 2015, como convidado da temporada oficial do Coro e Orquestra Sinfônica da Rádio MDR. 

O ano marcou ainda a estreia alemã à frente da Orquestra Sinfônica de Brandemburgo, em concerto de música brasileira com a harpista Cristina Braga, cujo registro ao vivo será lançado internacionalmente em 2016.


(Foto: Fernanda Castro / AENPr)

No Theatro Municipal do Rio de Janeiro esteve à frente da montagem de As Bodas de Fígaro, escolhida pela imprensa carioca como um dos 10 melhores espetáculos de música de concerto em 2015. Também assinou a direção musical do ballet Apoteose da Dança, coreografia de Uwe Scholz para a Sétima Sinfonia de Beethoven, além de elogiado concerto de repertório francês com música de Dukas, Ravel e Debussy. 

Em temporadas anteriores foi o regente das produções de ballet Coppelia e La Bayadère, além dos filmes Nosferatu e O Garoto, na série Música & Imagem. 

Como regente convidado esteve à frente de grandes orquestras europeias e sul-americanas, entre as quais se destacam a Orquestra Sinfônica do Porto Casa da Música, Orquestra Sinfônica Estatal do Museu Hermitage, Orquestra Sinfônica Estatal de São Petersburgo, Orquestra Sinfônica do Chile e Orquestra Petrobras Sinfônica. 

Apresentou-se em concertos com as orquestras sinfônicas de Vaasa e Jyväskylä (Finlândia), Orquestra Lyatoshinsky de Kiev e Orquestra Sinfônica de Porto Alegre. É convidado frequente nas temporadas da Orquestra Sinfônica da Universidade de Cuyo em Mendoza (Argentina). 

Fez a formação com grandes nomes da regência em masterclasses internacionais ministradas por Kurt Masur, Jorma Panula, Ronald Zollman, Isaac Karabtchevsky, Guillermo Scarabino e Fabio Mechetti. Estudou regência na Universidade Federal do Rio de Janeiro com André Cardoso e concluiu mestrado em regência orquestral na Universidade Carnegie Mellon de Pittsburgh (EUA), sob orientação de Ronald Zollman. 

Serviço 

Concerto da Orquestra Sinfônica do Paraná 

Dias 10 e 17 de abril, às 10h30 

Regência Tobias Volkmann 

Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto - Guairão 

Ingressos: R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia entrada)

Colaboração AENPr.