21°
Máx
17°
Min

Fabiana Murer fatura medalha prata no salto com vara em Estocolmo

(Foto: Divulgação)  - Fabiana Murer fatura medalha prata no salto com vara em Estocolmo
(Foto: Divulgação)

Fabiana Murer alcançou nesta quarta-feira sua melhor marca na temporada e ficou com a medalha de prata no Meeting de Estocolmo, na Suécia. A brasileira do salto com vara superou o sarrafo a 4,71m, sendo batida apenas pela grega Nikoleta Kiriakopoulou, que saltou 4,81m.

A melhor marca de Fabiana na temporada havia sido conquistada na Alemanha, no início do mês, quando saltou 4,61m e também ficou com o segundo lugar no pódio. Nesta quarta, a atual vice-campeã mundial iniciou a competição com o sarrafo a 4,39m e ainda passou pela marca de 4,59m antes de atingir a altura que lhe garantiu a prata. A brasileira tentou saltar os 4,81m, mas não conseguiu alcançar a marca atingida pela grega.

A brasileira, então, foi direto para os 4,86m, em busca da vitória, mas também não teve sucesso. No próximo domingo, Fabiana volta a competir, desta vez em um torneio na França, na cidade de Clermont-Ferran.

Ainda nesta quarta, a etíope Genzebe Dibaba buscou seu terceiro recorde mundial consecutivo em Estocolmo. Depois de estabelecer as melhores marcas dos 3.000m e dos 5.000m, a atleta cravou a melhor marcar da prova de uma milha - 1.609m -, com o tempo de 4min13s31, bem à frente dos 4min17s14 da romena Doina Melinte, alcançado há 26 anos.

Genzebe Dibaba já era dona da melhor marca da história em quatro provas em ginásio fechado: 1.500m, 3.000m, 5.000m e 2 milhas - a Associação das Federações Internacionais de Atletismo (IAAF) não computa recordes nesta última prova. Dentre as distâncias de fundo, só faltava Dibaba bater o recorde da 1 milha.