24°
Máx
17°
Min

Márquez fatura pole da MotoGP na Alemanha em dia marcado por quedas de Lorenzo

Líder da temporada na MotoGP, o espanhol Marc Márquez tem tudo para ampliar sua vantagem na primeira colocação neste fim de semana, na etapa da Alemanha. Neste sábado, o espanhol não só cravou a pole para a corrida de domingo, como viu seu principal concorrente, o compatriota Jorge Lorenzo, sofrer com as quedas em dia irreconhecível.

Campeão da categoria em 2013 e 2014, Márquez faturou sua quarta pole na temporada com o tempo de 1min21s160. O espanhol agora luta para voltar a vencer, já que subiu ao lugar mais alto do pódio em somente duas das oito provas disputadas até o momento e já enfrenta um jejum de cinco corridas - vem de três segundas colocações consecutivas.

Neste sábado, ele reinou absoluto no circuito de Sachsenring e ficou quase meio segundo à frente do segundo colocado. O também espanhol Hector Barbera, somente o sétimo na temporada, foi a grande surpresa do dia e largará logo atrás de Márquez, após cravar 1min21s572.

Terceiro colocado em 2016, o multicampeão Valentino Rossi fez um treino correto e sairá justamente em terceiro, depois de marcar 1min21s666. Na segunda fila, estarão o também italiano Danilo Petrucci, em quarto, e os espanhóis Pol Espargaró, quinto, e Maverick Viñales, sexto.

Mas o grande destaque do dia ficou mesmo por conta do péssimo desempenho de Jorge Lorenzo. Atual campeão da categoria, o espanhol seguiu com seu inferno astral e protagonizou duas fortes quedas neste sábado. A primeira, durante o Q1, quando beliscou a zebra e foi parar na grama. A segunda, já no Q2, praticamente uma repetição da anterior. Vale lembrar que o piloto vem de uma décima colocação e uma prova não completada nas últimas duas etapas do calendário e não largava em uma posição tão ruim desde 2013, quando largou em 12.º na Holanda após sofrer uma fratura na clavícula.

Os pilotos voltam à pista às 9 horas (de Brasília) deste domingo para a disputa da etapa alemã da MotoGP, a nona das 18 previstas no calendário de 2016. Marc Márquez lidera o Mundial com 145 pontos, seguido de Lorenzo, com 121, e Valentino Rossi, com 103.