26°
Máx
19°
Min

Pedrosa dá show em San Marino e MotoGP tem 8 vencedores nas últimas 8 corridas

Em mais uma prova com resultado inesperado na imprevisível temporada 2016 da MotoGP, o espanhol Dani Pedrosa brilhou neste domingo no circuito de Misano e estragou a festa de Valentino Rossi. O italiano, que corria praticamente em casa, chegou em segundo lugar em San Marino. O também espanhol Jorge Lorenzo completou o pódio num dia histórico para a categoria.

Com o resultado, a MotoGP conta agora com oito vencedores nas últimas oito provas, algo inédito na trajetória da categoria. Antes de Pedrosa se destacar neste domingo, venceram as últimas etapas o espanhol Maverick Viñales, o britânico Cal Crutchlow, o italiano Andrea Iannone, o espanhol Marc Márquez, o australiano Jack Miller, além de Rossi e Lorenzo.

Fazendo uma temporada apagada neste ano, Pedrosa, da equipe Honda, faturou sua primeira vitória em 2016. Mesmo com apenas um triunfo, o espanhol tem chances de título, em razão do equilíbrio do campeonato. Ao fim da 13ª de 18 etapas no ano, Pedrosa tem agora 145 pontos.

Na briga pela ponta, Rossi, da Yamaha, tem motivos para comemorar, apesar do segundo lugar em San Marino. Ele reduziu mais a vantagem de Marc Márquez, da Honda, na liderança. O espanhol tem 223 pontos, contra 180 do italiano. Em terceiro, Lorenzo, da Yamaha, chegou aos 162, enquanto Pedrosa já aparece em quarto.

A corrida deste domingo começou com Lorenzo mantendo a primeira colocação, enquanto Rossi sustentava a segunda posição. Mas logo na volta inicial o italiano, empurrado pela torcida maciça em Misano, passou a impor pressão. Na volta seguinte, Rossi já era o líder da prova, para festa das arquibancadas.

Enquanto a torcida comemorava, Dani Pedrosa iniciava uma incrível reação no pelotão intermediário. Ele largou em oitavo, porém pouco a pouco foi deixando os rivais para trás. Faltando 14 voltas para o fim, Pedrosa ultrapassou Márquez, subindo para terceiro e já vislumbrando Lorenzo como próximo alvo.

Duas voltas depois, já superava o outro compatriota, enquanto Rossi se descolava do grupo. Faltavam, contudo, ainda 12 voltas. E Pedrosa só precisou de três para colar no italiano. Rossi oscilou e abriu espaço para o rival se aproximar mais. A 7 voltas do fim, o favorito da torcida não resistiu e perdeu a primeira colocação e a vitória para Pedrosa.

Os pilotos da MotoGP voltam à pista daqui a duas semanas. No dia 25 deste mês, eles vão disputar a etapa de Aragão, na Espanha.

Confira os dez primeiros colocados em San Marino:

1º - Dani Pedrosa (ESP/Honda), em 43min43s524

2º - Valentino Rossi (ITA/Yamaha), 43min46s361

3º - Jorge Lorenzo (ESP/Yamaha), 43min47s883

4º - Marc Márquez (ESP/Honda), 43min53s093

5º - Maverick Viñales (ESP/Suzuki Ecstar), 43min58s991

6º - Andrea Dovizioso (ITA/Ducati), 44min03s200

7º - Michele Pirro (ITA/Ducati), 44min06s460

8º - Cal Crutchlow (ING/LCR Honda), 44min09s226

9º - Pol Espargaró (ESP/Yamaha Tech 3), 44min10s679

10º - Alvaro Bautista (ESP/Aprilia), 44min17s492