26°
Máx
19°
Min

Por reação, Hamilton celebra volta aos EUA e diz só pensar na vitória

Foto: Foto Studio Colombo/ Pirelli - Por reação, Hamilton celebra volta aos EUA e diz só pensar na vitória
Foto: Foto Studio Colombo/ Pirelli

Em jejum de vitórias e não dependendo mais das suas forças para conquistar o quarto título mundial, sendo o terceiro consecutivo, Lewis Hamilton quer aproveitar o GP dos Estados Unidos, prova que definiu como sendo realizada na sua segunda, casa para mudar o rumo da temporada 2016 da Fórmula 1.

"Estamos de volta nos Estados Unidos, que é como uma segunda corrida em casa para mim. Eu amo o país, a cultura, as pessoas e a pista, então eu mal posso esperar para começar", afirmou Hamilton que venceu três das quatro provas realizadas no Circuito das Américas, em 2012, 2014 e 2015, além também de ter triunfado no GP dos Estados Unidos de 2007, em Indianápolis.

A última dessas vitórias, no ano passado, rendeu a Hamilton o seu terceiro título mundial, algo que ainda está vivo na sua memória. "Eu tenho algumas grandes lembranças de Austin, com três vitórias em quatro corridas e, claro, o título conquistado no ano passado. Esse foi um dos pontos altos da minha carreira, sem dúvida. É quase como se os fãs norte-americanos tivessem me adotado como se fosse um deles, então eu vou tentar canalizar toda essa energia positiva para este fim de semana", afirmou.

Com uma desvantagem de 33 pontos para Nico Rosberg, o líder do Mundial de Pilotos, Hamilton não depende mais apenas das suas forças para ser campeão. O inglês, porém, garante que sua abordagem para o GP dos Estados Unidos será apenas de mirar a vitória, deixando em segundo plano a luta pelo título com o seu companheiro na Mercedes.

"Nós temos quatro corridas restantes para fazer o melhor e isso é exatamente o que eu pretendo fazer. É simplesmente lutar em cada fim de semana de corrida, me esforçar o máximo que posso, fazendo de tudo por cada vitória e vendo o que acontece a partir daí", disse Hamilton.