20°
Máx
14°
Min

Rosberg sofre punição, mas mantém 4º lugar no GP da Áustria

Nico Rosberg foi responsabilizado pelo incidente com Lewis Hamilton nas curvas finais do GP da Áustria de Fórmula 1, neste domingo. O piloto alemão foi punido com o acréscimo de 10 segundos em seu tempo final da prova, mas manteve o quarto lugar, porque havia registrado 14 segundos de vantagem sobre o quinto colocado.

O incidente aconteceu nos instantes finais da corrida. Num duelo particular, Hamilton tentou ultrapassar Rosberg e levou a melhor após ser barrado pelo companheiro. Ao jogar o inglês para fora da pista, o alemão perdeu parte da asa dianteira e caiu de rendimento. Mesmo com o carro danificado, conseguiu cruzar a linha de chegada na quarta posição.

Ao fim da prova, Rosberg culpou Hamilton pelo incidente. Mas, de acordo com investigação dos comissários, o alemão foi considerado o responsável pela batida. "O carro número seis Rosberg não deu ao carro 44 Hamilton 'espaço para corrida' e, consequentemente, o carro seis foi o responsável pela colisão", registraram os comissários.

Apesar do quarto lugar, o piloto da Alemanha segue na liderança do Mundial de Fórmula 1. Contudo, viu a boa vantagem para Hamilton ser reduzida para 11 pontos. Os dois pilotos voltam a duelar no próximo fim de semana, no GP da Inglaterra, em Silverstone.