22°
Máx
14°
Min

Bauru cala torcida do Fla, vence no Parque Olímpico e empata final do NBB

(Foto: Divulgação/NBB)  - Bauru cala torcida do Fla, vence no Parque Olímpico e empata final do NBB
(Foto: Divulgação/NBB)

O Parque Olímpico da Barra, no Rio, conheceu nesta quinta-feira um pouquinho do que vai ser a emoção dos Jogos Olímpicos. Numa partida de marcação forte e muita rivalidade, o Paschoalotto/Bauru calou os quase oito mil torcedores do Flamengo e venceu a segunda partida da final do NBB por 85 a 80, empatando a série em 1 a 1 e garantindo que ela volta para o interior de São Paulo.

A partida marcou a abertura da Arena Carioca 2, palco das competições de esgrima e tae kwon do no Rio-2016. O ginásio, que depois da Paralimpíada vai virar um centro de formação de atletas, tem capacidade para 10 mil torcedores. Nesta quinta, estava liberado para oito mil.

No total, 6.077 torcedores pagaram ingresso, para um público total de 7.836 pessoas e R$ 235.338,75 de renda. Como comparação, a partida entre Flamengo e Chapecoense, pelo Brasileirão de futebol, quarta à noite, em Volta Redonda, teve 2.252 pagantes.

O Bauru, porém, não temeu a nação rubro-negra em nenhum momento do jogo. O Flamengo, é verdade, não deu muito trabalho no primeiro tempo. Num show de erros, a partida foi para o intervalo com o placar de 31 a 26 para o Bauru. Nos últimos dois jogos da final do Oeste na NBA, o Oklahoma City Thunder marcou 72 pontos no primeiro tempo - os quartos na NBA têm dois minutos a mais.

Na volta do intervalo, o jogo melhorou bastante, especialmente porque o Flamengo melhorou. A equipe da casa anotou 23 pontos só no terceiro quarto e passou à frente, por 49 a 47.

Foi na primeira metade do último quarto que o jogo foi decidido. O Bauru saiu de 50 x 48 para o Flamengo para 64 x 56, abrindo oito pontos de vantagem a cinco minutos do fim. Quando a diferença chegou a 12, os dois times passaram a apostar nas faltas, cadenciando a partida até seu encerramento em 85 a 80.

Com 26 pontos, o flamenguista Marquinhos foi o cestinha da partida. Marcelinho Machado anotou 10 e passou dos 5 mil no NBB. Pelo Bauru, Jefferson foi o único com double-double, de 11 rebotes e 10 pontos. Paulinho Boracini foi o cestinha do time, com 17. Seis jogadores do time tiveram dois dígitos em pontos.

Com a vitória no Rio, o Bauru devolve a derrota sofrida por 83 a 77 no último sábado, em Marília (SP). A terceira partida está marcada para o próximo sábado, às 14h10, novamente na Arena Carioca 2. Já o quarto jogo será em 4 de junho, em Marília. Se necessária, a quinta partida está marcada para o sábado seguinte, dia 11 de junho, novamente no palco olímpico. Flamengo e Bauru não podem atuar nos seus ginásios usuais - do Tijuca e o Panela de Pressão - porque o NBB exige capacidade mínima de público para os jogos finais.