24°
Máx
17°
Min

Com show de Harden, Rockets reage e vence a primeira contra o Warriors

(Foto: Divulgação)  - Com show de Harden, Rockets reage e vence a primeira contra o Warriors
(Foto: Divulgação)

James Harden anotou 35 pontos, incluindo a cesta que definiu o duelo a 2s7 do fim, e o Houston Rockets aproveitou a ausência de Stephen Curry para superar o Golden State Warriors por 97 a 96, em casa, na noite de quinta-feira, no Jogo 3 da série válida pela primeira rodada dos playoffs da NBA. A vitória reduz a desvantagem do Rockets para 2 a 1. O próximo duelo vai ser disputado no domingo em Houston.

Shaun Livingston roubou um passe de Trevor Ariza e uma bandeja de Ian Clark pôs o Warriors um ponto à frente quando faltavam 10s6 para o fim do jogo. Então, Harden levou a bola para o outro extremo da quadra e deu um passo para trás antes de lançar o arremesso que definiu a vitória do Rockets.

O Warriors ainda teve uma oportunidade de ganhar o jogo, mas Draymond Green deixou a bola escapar ao tentar um drible. Marreesse Speights saiu do banco para liderar o Warriors com 22 pontos, e Klay Thompson anotou 17. O brasileiro Leandrinho Barbosa capturou um rebote nos nove minutos em que jogou, enquanto Anderson Varejão não foi aproveitado.

O Warriors massacrou o Rockets no primeiro jogo da série com Curry em quadra, enquanto no segundo confronto conseguiu uma virada para fazer 2 a 0, com o MVP da última temporada no banco de reservas, em recuperação de lesão no tornozelo direito. Na noite de quinta, o astro não jogou novamente e nem apareceu no banco.

O Rockets aproveitou e foi bem mais agressivo em quadra, chegando a abrir uma vantagem de 17 pontos no primeiro tempo. Donatas Motiejunas acumulou 14 pontos e 13 rebotes, enquanto Dwight Howard somou 13 pontos e 13 rebotes. O Warriors, que bateu o recorde de vitórias na temporada regular da NBA, com 73, havia triunfado em 14 dos últimos 15 duelos com o Rockets.

THUNDER VENCE EM DALLAS - Com 34 pontos, Kevin Durant deixou para trás e em grande estilo a atuação em que teve a sua pior pontaria nos playoffs e liderou o Oklahoma City Thunder na vitória por 131 a 102 sobre o Dallas Mavericks, fora de casa, recuperando a vantagem da série e fazendo 2 a 1.

Esta foi a 34ª vez na pós-temporada que Durant anotou ao menos 30 pontos, sendo mais uma vez decisivo para o Thunder, que havia batido o Mavericks por 38 pontos de diferença no primeiro jogo da série, mas caiu no segundo. Agora voltou a vencer com facilidade, dominando o duelo desde o início.

Com 20 pontos de Durant apenas no primeiro tempo, o time chegou a ter uma vantagem de 19 antes do intervalo. Russel Westbrook também teve boa atuação, com 26 pontos e 15 rebotes, enquanto Enes Kanter anotou 21.

Dirk Nowitzki, mesmo com dores no joelho direito, jogou e marcou 16 pontos para o Mavericks, que não teve forças para reagir e permitiu que o Thunder ditasse o ritmo do duelo. O time nunca teve a vantagem no placar e errou dez dos 12 primeiros arremessos de três. Wesley Matthews foi o cestinha da equipe com 22 pontos. A quarta partida da série vai ser disputada no sábado em Dallas.

RAPTORS VENCE E LIDERA SÉRIE - Fora de casa, o Toronto Raptors superou o Indiana Pacers por 101 a 85, com boas atuações de DeMar DeRozan e Kyle Lowry, que anotaram 21 pontos cada. Assim, o time canadense desempatou a série e assumiu a dianteira por 2 a 1.

Paul George liderou o Pacers com 25 pontos, dez rebotes e seis assistências. Já o novato Myles Turner anotou 17 pontos, sendo 11 no segundo tempo pelo time de Indianápolis, que nunca teve chances reais de vitória. O Raptors chegou a liderar o placar por 42 a 24 no segundo quarto. Depois disso, sua vantagem nunca foi inferior a 12 pontos.

O quarto jogo entre o Pacers e o segundo colocado da Conferência Leste está marcado para sábado e vai ser disputado novamente em Indianápolis.

Nesta sexta-feira serão realizadas três partidas pelos playoffs da NBA. São elas: Detroit Pistons x Cleveland Cavaliers, Boston Celtics x Atlanta Hawks e Memphis Grizzlies x San Antonio Spurs. Cavaliers, Hawks e Spurs lideram as respectivas séries por 2 a 0.