22°
Máx
14°
Min

Curry volta com 40 pontos e deixa Warriors a um triunfo da final do Oeste

Stephen Curry está de volta. Após ficar afastado das quadras por causa de uma lesão no joelho direito, o astro retornou ao Golden State Warriors na noite de segunda-feira e teve grande atuação, liderando o time de Oakland na vitória por 132 a 125, fora de casa, sobre o Portland Trail Blazers, pelas semifinais da Conferência Oeste da NBA.

O triunfo levou o Warriors a abrir 3 a 1 na série, deixando os atuais campeões da NBA a uma vitória de avançar nos playoffs - o próximo jogo da série está marcado para a próxima quarta-feira em Oakland.

Curry anotou 40 pontos na partida, sendo 17 na prorrogação, naquela que foi a sua primeira partida desde que se lesionou no Jogo 4 da primeira rodada dos playoffs da NBA contra o Houston Rockets. Além disso, o astro ficou muito próximo de marcar o seu retorno com um "triple-double" ao obter nove rebotes e dar oito assistências.

O astro até teve um início discreto de partida, nos três primeiros quartos do confronto, quando o Blazers, embalado pela vitória no jogo anterior, chegou a ter uma vantagem de 16 pontos, mas sucumbiu ao desempenho sensacional de Curry no último quarto e, principalmente, na prorrogação.

O retorno vitorioso de Curry se deu no dia anterior ao anúncio do MVP - o Jogador Mais Valioso - da temporada 2015/2016 da NBA, com todos os prognósticos sendo de que o astro do Warriors será o escolhido pelo segundo ano consecutivo.

Klay Thompson também se destacou pelo Warriors ao anotar 23 pontos, enquanto Draymond Green fez 21 e ainda obteve oito rebotes. Já o brasileiro Leandrinho Barbosa acumulou quatro pontos, duas assistências e um rebote nos oito minutos em que permaneceu em quadra.

Damian Lillard foi o melhor nome do Blazers com 36 pontos, dez assistências e seis rebotes. C.J. McCollum anotou 24 pontos, enquanto Mason Plumlle acumulou 15 rebotes e 12 pontos.

HEAT EMPATA SÉRIE - Também em confronto definido apenas na prorrogação, o Miami Heat superou o Toronto Raptors por 94 a 87, em casa, e igualou a série válida pelas semifinais da Conferência Leste em 2 a 2. O quinto jogo está marcado para quarta-feira, no Canadá.

Numa partida em que quase todos os jogadores tiveram dificuldades para acertar seus arremessos, Dwyane Wade foi praticamente uma exceção ao marcar 30 pontos pelo Heat. Já Goran Dragic se destacou ao fazer uma jogada de três pontos a 22s4 do fim do tempo extra, deixando o placar em 92 a 87 e sendo decisivo para o triunfo do Heat.

Dragic e Joe Johnson somaram 15 pontos cada para o Heat, que se recuperou de uma desvantagem de nove pontos no quarto período. Johnson ainda deu dois tocos no minuto inicial da prorrogação. Já Wade só foi pontuar no tempo extra na jogada final, quando a roubou a bola e deu ume enterrada.

O Heat só liderou o placar no quarto período por 13 segundos, mas jamais esteve atrás na prorrogação, a terceira em quatro duelos da série. Terrence Ross e Cory Joseph fizeram 14 pontos cada para o Raptors, que acertou apenas 39% dos arremessos de quadra. Bismack Biyombo e DeMarre Carroll marcaram 13 cada, enquanto DeMar DeRozan e Kyle Lowry fizeram juntos apenas 19 pontos, com só seis de 28 arremessos de quadra convertidos.

JOGO DE TERÇA - Os playoffs prosseguem nesta terça-feira com o quinto jogo entre San Antonio Spurs e Oklahoma City Thunder, no Texas. A série, pelas semifinais da Conferência Oeste, está empatada em 2 a 2.