22°
Máx
17°
Min

EUA anunciam lista final do basquete e confirmam LeBron James fora do Rio-2016

(Foto: Getty Images) - LeBron James está fora dos Jogos Olímpicos 2016
(Foto: Getty Images)

A USA Basketball (confederação norte-americana de basquete) anunciou oficialmente nesta segunda-feira a convocação dos 12 jogadores que formarão a seleção dos Estados Unidos nos Jogos Olímpicos do Rio, em agosto. Já esperada desde a semana passada, a ausência de LeBron James acabou se confirmando, pois o nome do astro do Cleveland Cavaliers não entrou na lista de atletas chamados para a Olimpíada.

Jogador mais valioso (MVP) das finais da NBA, levando o seu time a um título histórico na decisão diante do Golden State Warriors, LeBron já havia avisado na semana passada, ao site Cleveland.com, que "poderia usar (o tempo reservado no calendário para a disputa do basquete olímpico) para descansar".

O agente do jogador, Rich Paul, comunicou na última quinta a decisão do atleta ao diretor técnico da USA Baskeball, Jerry Colangelo. Ele optou por não vir ao Rio após ter se sagrado bicampeão olímpico com o Dream Team dos Estados Unidos nos Jogos de Pequim-2008 e Londres-2012, assim como esteve presente na frustrante campanha no qual o país teve de se contentar com o bronze em Atenas-2004, quando então era um calouro na NBA.

O ala é o jogador que fez mais pontos pelos Estados Unidos em Olimpíadas, com 273 ao total, assim como é o segundo maior reboteiro do país na história da competição. E agora oficialmente sem LeBron para o Rio-2016, o time norte-americano perdeu um pouco mais a sua cara de Dream Team, pois antes da desistência do astro do Cavaliers já havia recebido a confirmação de que não poderia contar com Stephen Curry, MVP das últimas duas temporadas da NBA pelo Warriors, além de nomes como James Harden, Russell Westbrook, LaMarcus Aldridge, Anthony Davis, Chris Paul, Blake Griffin, John Wall, Kawhi Leonard e Bradley Beal.

Nem por isso, porém, os Estados Unidos deixarão de contar com um time fortíssimo em busca do seu terceiro ouro consecutivo no basquete masculino, no qual subiram ao topo do pódio por 14 vezes ao total na história das Olimpíadas, tendo acumulando também uma prata e dois bronzes dos Jogos.

Ainda superfavorito ao ouro no Rio-2016, o "esvaziado" Dream Team teve os seguintes convocados: pivôs - DeMarcus Cousins (Sacramento Kings) e DeAndre Jordan (Los Angeles Clippers); armadores - Kyrie Irving (Cleveland Cavaliers), Klay Thompson (Golden State Warriors), Jimmy Butler (Chicago Bulls), Kyle Lowry (Toronto Raptors) e DeMar DeRozan (Toronto Raptors); alas - Kevin Durant (Oklahoma City Thunder);

Carmelo Anthony (New York Knicks); Paul George (Indiana Pacers); Draymond Green (Golden State Warriors) e Harrison Barnes (Golden State Warriors).

Ao anunciar a lista de convocados, a USA Basketball disse que a lista foi aprovada pelo seu conselho de diretores e agora está apenas dependendo de uma aprovação final pelo Comitê Olímpico dos Estados Unidos para ser definitivamente ratificada.

"Eu acho que posso falar por toda a comissão técnica e dizer que estamos extremamente animados sobre a equipe que vamos colocar em quadra para a Olimpíada de 2016 no Rio de Janeiro", afirmou Colangelo, que destacou que a lista de convocados traz uma "grande mistura de talento, cestinhas, ganhadores de medalhas de ouro do passado e juventude excepcional".