27°
Máx
13°
Min

Já garantido na semi, Brasil perde da Venezuela no Sul-Americano de basquete

A seleção brasileira masculina de basquete não resistiu à anfitriã Venezuela, na noite desta quinta-feira, e foi derrotada por 70 a 60, em Caracas, no seu último jogo na fase de grupos do Sul-Americano. Com o triunfo, a equipe venezuelana ficou com o primeiro lugar do Grupo A.

Com a segunda posição, o Brasil enfrentará a Argentina, primeira colocação do Grupo B, às 18h15 (horário de Brasília) desta sexta-feira, pela semifinal. O outro duelo vai reunir Venezuela e Uruguai. Os vencedores vão decidir o título às 20h30 do sábado.

Nesta quinta, o Brasil foi dominada pela seleção venezuelana, apesar do triunfo parcial no primeiro quarto, por 15 a 13. Depois disso, o time da casa levou a melhor em cada um dos três quartos e sacramentou a vitória, impondo a primeira derrota do Brasil na competição.

Dwight Lewis, do time anfitrião, foi o cestinha do jogo, com 16 pontos. Pelo Brasil, o pivô Rafael Mineiro anotou 11 pontos, dois rebotes e duas assistências, enquanto o armador Davi Rossetto contribuiu com dez pontos, três rebotes e uma assistência. Já o armador Fúlvio de Assis registrou nove pontos, oito assistências e dois rebotes.

Os cinco primeiros colocados no Sul-Americano da Venezuela se qualificam para a Divisão "A" do FIBA Américas 2017, novo sistema de disputa da entidade que controla o basquete que será classificatório para a Copa do Mundo de 2019.