22°
Máx
14°
Min

Varejão exalta fãs do Cavaliers em mensagem de despedida

(Foto: Divulgação) - Varejão exalta fãs do Cavaliers em mensagem de despedida
(Foto: Divulgação)

Anderson Varejão se despediu dos fãs do Cleveland Cavaliers em tom nostálgico em mensagem divulgada nas redes sociais. O brasileiro agradeceu o apoio do público e afirmou que se sentiu "em casa" desde que chegou à equipe da NBA, há 12 anos, vindo do basquete espanhol. "Nas últimas 12 temporadas, foram altos e baixos, mas não importava o resultado, porque uma coisa nunca mudou... o apoio incondicional de todos vocês, os fãs", declarou.

"Se vocês estavam assistindo pela TV, ouvindo no rádio ou gritando a plenos pulmões, nós sentíamos essa energia e o apoio. Os fãs do Cleveland são simplesmente os melhores", elogiou o brasileiro.

"Não há nada melhor do que andar pelas ruas em um dia frio e ouvir os fãs gritarem seu nome, poder parar para conversar com eles. Não há nada como olhar para a arena e ver mais de 20 mil pessoas usando perucas para combinar com o seu cabelo... Isso é algo que eu vou levar para o resto da minha vida, nunca vou esquecer."

Adotando um tom mais melancólico, Varejão lamentou sua saída. O brasileiro reafirmou que pretendia se aposentar jogando pelo Cavaliers. "Eu vi jogadores e treinadores indo e vindo, e por tudo que vi, sempre soube que Cleveland era onde eu queria me aposentar. Mas a vida nem sempre funciona da maneira como queremos. E, no fim do dia, quando dizem isto é negócio, infelizmente é verdade", declarou.

"Então, sendo assim, digo adeus. Mas, o mais importante, eu digo obrigado. Obrigado por todo o apoio. Obrigado por terem vindo todas as noites, estivéssemos ganhando ou perdendo. E obrigado por me darem os melhores 12 anos da minha vida. Lar é onde o coração está. E meu coração sempre estará em Cleveland", afirmou.

Sem espaço na equipe do Cavaliers, Varejão foi trocado com o Portland Trail Blazers no início da semana. No entanto, o Blazers também não demonstrou interesse em ficar com o brasileiro e o dispensou dois dias depois. Agora o brasileiro busca outra equipe para defender na NBA.