22°
Máx
14°
Min

Warriors vence a 11ª seguida com mais um show de Stephen Curry

O Warriors tem a melhor campanha da história da NBA em 52 partidas (Foto: Divulgação) - Warriors vence a 11ª seguida com mais um show de Stephen Curry
O Warriors tem a melhor campanha da história da NBA em 52 partidas (Foto: Divulgação)

O Golden State Warriors vai para a pausa da temporada regular da NBA, provocada pela realização do All-Star Game, com uma sequência de 11 vitórias. A última delas foi conquistada na noite de quarta-feira (10), quando os atuais campeões da liga derrotaram o Phoenix Suns por 112 a 104, fora de casa, numa partida em que Stephen Curry esteve muito próximo de conseguir um "triple-double" (dois dígitos em três fundamentos).

Curry terminou a partida com 26 pontos, nove rebotes e nove assistências. Klay Thompson também se destacou, com 24 pontos, enquanto o brasileiro Leandrinho Barbosa somou 12 pontos e um rebotes nos 15 minutos em que ficou em quadra pelo Warriors.

Agora com 48 vitórias e somente quatro derrotas, o Warriors tem a melhor campanha da história da NBA em 52 partidas, com um triunfo a mais do que o Chicago Bulls da temporada 1995/1996 e o Philadelphia 76ers de 1966/1967. Esse time do Bulls, aliás, tem a melhor campanha da história da NBA, com 72 vitórias.

Archie Godwin anotou 20 pontos e Markieff Morris fez 19 pelo Suns, que sofreu a nona derrota seguida e a 24ª nos últimos 26 duelos, o que o deixa na penúltima posição no Oeste. O novato Devin Booker somou 15 pontos e dez assistências pelo time do Arizona.

No último duelo entre os astros LeBron James e Kobe Bryant em Cleveland, quem roubou a cena foi Kyrie Irving, que registrou a sua maior produção ofensiva na temporada 2015/2016 da NBA, liderando o triunfo do Cavaliers sobre o Los Angeles Lakers por 120 a 111, em casa, na noite de quarta.

O duelo também foi o último do Cavaliers, o líder da Conferência Leste, antes da pausa para o All-Star Game . E o time atuou durante todo o segundo tempo sem Kevin Love, com dores no ombro esquerdo, o mesmo que precisou ser operado durante o último campeonato.

Kyrie Irving foi o cestinha da partida com 35 pontos, enquanto LeBron anotou 29. Bryant finalizou o seu último duelo em Cleveland sendo ovacionado pela torcida local e com 17 pontos anotados. Lou Williams marcou 28 pontos pelo Lakers, que perdeu 13 dos últimos 15 jogos e está na última posição na Conferência Oeste. O brasileiro Anderson Varejão atuou 19 minutos pelo Cavaliers, com oito pontos e seis rebotes.

Com 29 pontos de Kawhi Leonard, incluindo uma cesta a 0s9 do fim do duelo, o San Antonio Spurs derrotou, na noite de quarta, o Orlando Magic por 98 a 96, fora de casa. LaMarcus Aldridge contribuiu para o triunfo com 21 pontos, enquanto Patty Mills somou 17 pontos e sete assistências pelo Spurs, que venceu o sexto jogo seguido e ocupa a vice-liderança da Conferência Oeste.

O Spurs iniciou o último quarto com uma desvantagem de 12 pontos, mas conseguiu a virada sobre o Magic, apenas o 11º colocado do Leste. Evan Fournier, que empatou o jogo com uma cesta de três a 13s3 do fim do duelo liderou o Maic com 28 pontos. Nikola Vucevic acumulou 20 pontos e 13 rebotes e Elfrid Payton colaborou com 13 pontos e sete assistências, mas errou uma bandeja no estouro do cronômetro, quando tentava levar o duelo para a prorrogação.

Com ótima atuação do novato Karl-Anthony Towns, com 35 pontos e 11 rebotes, o Minnesota Timberwolves tirou uma vantagem de 18 pontos do Toronto Raptors e o derrotou por 117 a 112, em casa. O canadense Andrew Wiggins também se destacou, com 26 pontos, sendo 13 no último quarto pelo antepenúltimo colocado do Oeste.

DeMar DeRozan marcou 35 pontos pelo Raptors, que vinha embalado por 14 vitórias nos últimos 15 jogos e ocupa a vice-liderança do Leste. O brasileiro Lucas Bebê anotou dois pontos e capturou um rebote nos quatro minutos em que jogou pelo time canadense.

O Chicago Bulls sofreu a quarta derrota consecutiva e agora tem a vaga nos playoffs ameaçada - ocupa a sétima posição na Conferência Leste - após ser batido pelo Atlanta Hawks por 113 a 90, em casa. Jeff Teague anotou 17 pontos pelo Hawks, que é o quarto colocado do Leste e mais uma vez não contou com o brasileiro Tiago Splitter, lesionado. Pau Gasol liderou o Bulls, com 20 pontos e dez rebotes. Cristiano Felício jogou por quase quatro minutos, mas não fez sequer uma cesta.

Já a série de sete vitórias do Utah Jazz chegou ao fim com a derrota para o New Orleans Pelicans, fora de casa, por 100 a 96. Jrue Holiday marcou 21 pontos pelo Pelicans, o 12º colocado do Oeste. Darrick Favors foi o cestinha do jogo com 29 pontos pelo Jazz, oito a mais do que Gordon Hayward. O brasileiro Raulzinho acumulou nove pontos, três assistências e dois rebotes nos 33 minutos em que atuou pelo oitavo colocado do Oeste.

No seu primeiro jogo após perder Marc Gasol, com uma fratura no pé direito, o Memphis Grizzlies superou o Brooklyn Nets por 109 a 90, fora de casa, com 20 pontos de Mike Conley. Assim, o time, o oitavo colocado do Oeste, também encerrou uma série de duas derrotas, ambas na prorrogação.