21°
Máx
17°
Min

Colombiano vence etapa da Volta da França e Froome mantém vantagem na ponta

A Volta da França viveu neste domingo sua 15.ª etapa, uma das mais exigentes, no trecho montanhoso de 160 quilômetros nos Alpes, entre as regiões de Bourg-en-Bresse e Culoz. O colombiano Jarlinson Pantano soube lidar bem com as adversidades e venceu o estágio, com o britânico Chris Froome obtendo uma boa colocação e mantendo a liderança geral da competição.

Froome terminou a etapa três minutos e sete segundos atrás do vencedor, mas em meio a um pelotão que contava com todos os seus principais concorrentes ao título da mais tradicional prova do ciclismo. Por isso, manteve um minuto e 47 segundos de vantagem para o segundo colocado, o holandês Bauke Mollema, e dois minutos e 45 segundos para o terceiro, o também britânico Adam Yates.

Atual campeão, Froome manteve a camisa amarela como líder geral, enquanto a camiseta branca de bolinhas vermelhas (melhor montanista) agora é do polonês Rafal Majka. Peter Sagan continua com a camiseta verde (melhor velocista), Adam Yates tem a branca (melhor jovem) e a Movistar assumiu como a melhor equipe.

O polonês Majka parecia ser o principal candidato a vencer neste domingo. Ele disparou na liderança no trecho mais montanhoso, abriu vantagem do pelotão, mas depois errou e permitiu que os concorrentes se aproximassem. A prova seguiu disputada até a reta final, quando Pantano surpreendeu e o ultrapassou para faturar a etapa.

"É um sonho que vira realidade. Eu tinha ótimos sentimentos para hoje, eu sabia que se eu fosse capaz de me juntar a ele (Majka) na descida, eu teria boas chances. E no final, o melhor ciclista venceu", disse o colombiano.

Os ciclistas agora se preparam para a 16.ª etapa da Volta da França, que será disputada nesta segunda-feira. Eles terão que percorrer 209 quilômetros entre as regiões de Moirans-en-Montagne e Berne. Somente então, na terça-feira, terão um dia de descanso antes do trecho final nos Alpes.