24°
Máx
17°
Min

100% com Tite, Brasil vence a Venezuela e é líder das Eliminatórias

100% com Tite, Brasil vence a Venezuela e é líder das Eliminatórias

Sob o comando de Tite, a seleção brasileira venceu a quarta partida seguida nas Eliminatórias 2018 - América do Sul e de quebra assumiu a liderança da competição. Antes desacreditada, a seleção verde e amarela passou de preocupação pelos péssimos resultados à alegria de chegar ao primeiro lugar. Nem o mais otimista dos brasileiros e fã de Tite, imaginaria tamanha evolução e revolução brasileira. A vítima da vez foi a seleção venezuelana, na noite desta terça-feira (11), no Estádio Metropolitano de Mérida, na Venezuela. Com gols de Gabriel Jesus e Willian, o Brasil venceu por 2 a 0 e já vai encaminhando a vaga para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018.

Mostrando qualidade na posse de bola e com toques rápidos, o Brasil começou a partida sem levar pressão da Venezuela e começa a novamente dar esperanças ao torcedor brasileiro. Aos sete minutos, o goleiro Dani Hernández recebeu uma bola recuada e na hora de fazer o passe entregou nos pés de Gabriel Jesus. O atacante, com frieza e qualidade, aproveitou e mando a bola por cobertura, fazendo um belo gol para abrir o placar. 1 a 0.

A seleção brasileira dominava amplamente a partida e não corria riscos. A Venezuela tentava se aproximar do ataque, mas a defesa do Brasil não tinha grandes dificuldades para desarmar o ataque venezuelano.

Na segunda etapa a partida continuou da mesma maneira, com o Brasil tocando bola e chegando ao ataque e a Venezuela tentando roubar a bola para tentar empatar a partida. Logo aos três minutos, Filipe Luís fez boa jogada pela esquerda, cruzou rasteiro, e Gabriel Jesus, de primeira, quase marcou o segundo.

Chegando rápido ao ataque, o Brasil encontrou o segundo gol. Aos sete minutos, Renato Augusto fez boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro, a bola passou por toda a pequena área até Willian aproveitar e ampliar a vantagem brasileira na partida. 2 a 0.

Aos 28 minutos do segundo tempo um apagão paralisou o jogo em Mérida. Cerca de 20 minutos depois, a partida foi reiniciada.

A melhor chance da Venezuela no jogo só aconteceu aos 42 minutos do segundo tempo. Após cruzamento da direita, o atacante Rondon ganhou da marcação e cabeceou forte, mas Alisson fez uma bela defesa e mandou para escanteio.

O Brasil manteve o resultado e com o empate do Uruguai com o Equador em 2 a 2, garantiu a liderança das Eliminatórias.