23°
Máx
12°
Min

América segura empate com Cruzeiro no Mineirão e fará final com o Atlético-MG

Depois de vencer o duelo de ida da decisão por 2 a 0, no final de semana passado, no estádio Independência, o América-MG fez valer a vantagem que conquistou ao empatar por 0 a 0 com o Cruzeiro, neste domingo, no Mineirão, e garantir vaga na decisão do Campeonato Mineiro.

O rival do América na final será o Atlético-MG, que no último sábado venceu a URT por 2 a 0, em casa, após igualdade por 2 a 2 no confronto de ida da outra semifinal da competição estadual.

O Cruzeiro, mesmo contando com apoio de sua torcida e com a volta do atacante Willian, que ao lado de Ricardo Goulart é o maior artilheiro do novo Mineirão, não teve forças para superar a bem montada defesa americana.

Por ter realizado melhor campanha até aqui, o Atlético-MG terá a vantagem de jogar por dois empates nos dois próximos domingos, quando serão realizados os dois confrontos da decisão. Os locais dos jogos serão definidos durante esta semana.

O Cruzeiro, por sua vez, não consegue ir à final do Mineiro pelo segundo ano seguido. Em 2015, o Atlético ficou com o título ao bater a Caldense, de Poços de Caldas, na decisão.

A missão do Cruzeiro já era difícil neste domingo, e começou a ficar um pouco mais complicada a partir dos 12 minutos do primeiro tempo, quando teve um gol mal anulado pela arbitragem. Após falta cobrada por Willian, que retornou ao time após mais de 45 dias fora por causa de lesão, Bruno Rodrigo apareceu livre para cabecear para as redes. A arbitragem apontou impedimento, inexistente, no lance.

O Cruzeiro, sem organização e sofrendo com a forte marcação do América, sofria muito para criar oportunidades de gols. Para completar, dava espaços no setor defensivo. Na etapa final, o América chegou a reclamar de um pênalti duvidoso de Bruno Rodrigo em Victor Rangel. Na parte final do duelo, Fabrício chegou a carimbar a trave esquerda de João Ricardo e quase marcou pelos cruzeirenses, que assim caíram mais uma vez antes da decisão.

Eliminado na semifinal do Mineiro, o Cruzeiro agora volta suas atenções ao jogo de volta da primeira fase da Copa do Brasil, no próximo dia 5 de maio, contra a Campinense, no Mineirão. O jogo de ida, em Campina Grande, terminou em 0 a 0.