24°
Máx
17°
Min

Argentina oficializa Bauza como novo técnico da seleção do país

(Foto: Divulgação/São Paulo) - Argentina oficializa Bauza como novo técnico da seleção do país
(Foto: Divulgação/São Paulo)

A Associação de Futebol Argentina (AFA) oficializou nesta segunda-feira à noite o técnico Edgardo Bauza, 58 anos, como novo técnico da seleção do país. A informação havia sido antecipada pelo São Paulo horas antes.

O técnico bicampeão da Copa Libertadores por LDU (2008) e San Lorenzo (2014) chega para substituir Gerardo Martino, demitido após o vice-campeonato da Copa América.

Bauza já foi zagueiro da seleção nacional e fez parte do elenco que em 1990 disputou a Copa do Mundo da Itália.

A estreia pela seleção argentina deve acontecer em 1º de setembro, no duelo contra o Uruguai, em Mendoza, na Argentina, pela sétima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2018. Na sequência, dia 6, visitará a Venezuela, em Mérida, pela mesma competição.

Semanas atrás, Bauza viajou até Buenos Aires para conversar com dirigentes da AFA sobre a possibilidade de ocupar o cargo. O treinador assumiu o São Paulo no começo deste ano. Foram 47 jogos, com 17 vitórias, 13 empates e 17 derrotas, um aproveitamento de 45% dos pontos. Os principais resultados do trabalho do argentino foram na Libertadores, torneio em que o levou o time do Morumbi até a semifinal.

A situação do São Paulo com a possível saída do treinador fica complicada. A diretoria investiu recentemente cerca de R$ 40 milhões em contratações avalizadas por Bauza. Entre elas, buscou compatriotas dele, como o atacante Chávez, do Boca Juniors, e o lateral Buffarini, ex-comandado do treinador na equipe do San Lorenzo. Outra negociação em andamento é a possível saída do atacante Centurión, para o Boca.

No ano passado o clube do Morumbi viveu situação semelhante com o colombiano Juan Carlos Osorio. Após quatro meses no cargo o técnico saiu da equipe ao aceitar proposta para dirigir a seleção mexicana. Assim como Bauza, o treinador tinha trazido para o trabalho no Brasil um auxiliar técnico e mais o preparador físico.