23°
Máx
12°
Min

Atlético-PR perde em casa para o Grêmio e se complica na Copa do Brasil

O Atlético-PR perdeu para o Grêmio em casa por 1 a 0 e se complicou na Copa do Brasil. A equipe do técnico Paulo Autuori foi dominada pelo Grêmio no primeiro tempo, mas conseguiu se recuperar no segundo e pressionou o time gaúcho em busca do empate, que não veio. Com a derrota, o Furacão precisa vencer o Tricolor no Rio Grande do Sul para garantir a vaga para as quartas de final da competição.

O primeiro tempo foi dominado pelo Grêmio, que abriu o marcador logo no primeiro lance perigoso da partida. Aos seis minutos, o Tricolor trocou passes rápidos e a bola sobrou para o atacante Bolaños, de frente para Weverton. O atacante equatoriano não desperdiçou e anotou o gol.

O time chegou com perigo novamente aos 40 minutos do primeiro tempo, quando Ramiro recebeu um passe de Luan, invadiu a área e bateu cruzado. A bola passou por Weverton, que se esticou, mas não conseguiu tocar na bola, e passou tirando tinta da trave do Furacão.

Ainda no primeiro tempo, a torcida atleticana protestou contra a saída recente do atacante Walter, que irá defender a equipe do Goiás, atualmente na Série B do Brasileirão. O presidente do Conselho Deliberativo do clube, Mário Celso Petraglia, foi alvo dos protestos. O jogador, inclusive, estava na Arena da Baixada, assistindo à partida.

Voltando ao jogo, o segundo tempo parecia que seria igual ao primeiro. Aos dois minutos, Douglas lançou Bolaños dentro da área. O atacante, livre de marcação e de frente para Weverton, tocou para fora, desperdiçando uma grande oportunidade para ampliar o marcador na Arena da Baixada.

No entanto, depois desse lance, o Atlético-PR acordou. Aos quatro minutos, depois de uma cobrança de falta, a bola sobrou para o estreante Luan, que mandou de primeira, por cima do gol de Marcelo Grohe. Aos nove, Luan quase marcou novamente, mas acabou cabeceando a bola para fora do gol.

Já com 27 minutos da segunda etapa, Wallace tocou para Luan. O atacante, livre, chutou rasteiro, mas a bola foi defendida pelo goleiro Weverton. Aos 30, o Furacão respondeu. Sidcley recebeu pela lateral e cruzou para a área, onde encontrou André Lima, que subiu mais que a defesa e cabeceou firme para o gol, forçando Grohe a fazer uma grande defesa.

O Atlético-PR seguiu pressionando, mas não conseguiu chegar ao empate. Os dois times voltam a se enfrentar apenas no dia 21 de setembro, às 19h30, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Antes disso, porém, o Furacão e o Tricolor gaúcho voltam suas atenções para o Campeonato Brasileiro, que tem rodada neste final de semana.

O time da Baixada encara o Botafogo na próxima segunda-feira (29), às 20h, na Arena da Baixada, em Curitiba. Já o Grêmio recebe a equipe do Atlético-MG em sua casa, em Porto Alegre, às 16h do próximo domingo (28).

Atlético-PR perde em casa e se complica na Copa do Brasil