22°
Máx
16°
Min

Atlético-PR vence Paraná na primeira partida da semifinal do Campeonato Paranaense

(Foto: Robson De Lazzari / Rede Massa) - Atlético-PR vence Paraná na primeira partida da semifinal do Campeonato Paranaense
(Foto: Robson De Lazzari / Rede Massa)

O Atlético-PR venceu, na tarde deste sábado (16), o clássico com o Paraná Clube, na Arena da Baixada. A partida foi válida pela semifinal do Campeonato Paranaense e terminou com o placar de 2x1 para o Furacão. A definição da equipe que irá para a final do torneio acontece no próximo final de semana. O Atlético-PR, com o resultado de hoje, tem vantagem na partida de volta.

O Rubro-negro começou o jogo pressionando ao chegar mais no gol do Tricolor. A pressão deu resultado aos 21 minutos do primeiro tempo, quando o meia Nikão marcou um belo gol. Ele ajeitou a bola e deu um chute de fora da área que não deu chances de defesa para o goleiro Marcos, do Paraná.


Créditos: Gustavo Oliveira/Site Oficial

A reação tricolor veio aos 33 minutos, quando o lateral atleticano Eduardo fez pênalti no atacante Robson. O meia Lúcio Flávio cobrou e empatou o jogo.

Depois de sofrer o gol de empate, o Atlético-PR voltou a pressionar o Paraná e teve dois bons lances com Ewandro, Nikão e Walter. Mas o primeiro tempo terminou em 1x1.

O início do segundo tempo teve a “mesma cara” da primeira etapa de jogo. O Furacão procurava muito mais o gol, exigindo bastante da defesa paranista. Em apenas dois minutos, o Atlético-PR teve boas chances de marcar duas vezes.


Créditos: Gustavo Oliveira/Site Oficial

Aos 21 minutos, o técnico Paulo Autuori colocou o atacante André Lima no jogo, no lugar de Vinícius. E logo ele mostrou que a sua entrada na partida seria uma boa opção. Aos 23 minutos, ao Atlético-PR pressiona mais uma vez, a zaga do Paraná falha e André Lima marca para fazer 2x1.

Apesar da vantagem no placar, o Furacão não deixou de procurar o gol. O atacante Walter tentou duas vezes, mas o goleiro Marcos não permitiu que a bola chegasse ao gol. E assim o goleiro paranista se tornaria destaque da equipe no jogo de hoje.

O meia Rafael Carioca, que entrou no segundo tempo na equipe do Paraná, quebrou o ritmo do Atlético-PR e fez movimentações importantes para o tricolor. Aos 39 minutos, ele driblou Nikão e chegou a chutar ao gol, mas a bola foi por cima. De qualquer maneira, assustou o goleiro Weverton. No entanto, não foi o suficiente para o Paraná chegar ao empate. 


Créditos: Gustavo Oliveira/Site Oficial

A primeira partida da semifinal teve um público pagante de 14.796 pessoas e público total de 16.912 pessoas.

O jogo de volta está marcado para o próximo domingo (24), às 16h, na Vila Capanema. Com o resultado de hoje a favor do Atlético-PR, a equipe tem a vantagem de poder empatar no jogo de volta. O Paraná precisa vencer por dois gols de diferença. O placar de 1x0 para o Paraná leva a decisão aos pênaltis.