21°
Máx
17°
Min

Atlético-PR vence, sobe para 6º e afunda o América-MG na lanterna do Brasileirão

Em uma partida fraca tecnicamente, o Atlético Paranaense fez o suficiente para vencer o América-MG por 1 a 0, na noite deste sábado, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a vitória, o Atlético chegou ao sexto lugar, com 20 pontos, e o América se afundou mais na lanterna, com oito pontos.

A partida começou mesmo jogando contra o lanterna da competição. O Atlético mostrou pouca inspiração no meio de campo e a bola chegou poucas vezes ao ataque, assim como, nas raras oportunidades do primeiro tempo, André Lima não conseguiu finalizar jogadas com perigo.

O América exibia pouca agressividade e dava mais um claro sinal de que o técnico português Sergio Vieira terá muito trabalho para evitar o rebaixamento à Série B.

Durante a primeira etapa, os atleticanos sentiam dificuldades na organização das jogadas. No segundo tempo, o atacante Victor Rangel teve a chance de abrir o placar antes do primeiro minuto, mas completou para fora.

Mas, se não conseguia oferecer perigo com a bola rolando, o time rubro-negro encontrou seu gol em uma cobrança de escanteio, aos sete minutos, quando Nikão aproveitou uma rebatida da defesa e chutou de longe e contou com a falha do goleiro João Ricardo para abrir o placar.

Com vantagem no marcador, o Atlético manteve o domínio do jogo, mas seu setor criativo não mostrava serviço e o jogo foi uma sucessão de passes e lances errados.

Já do lado de fora do estádio, antes de a partida começar, houve confusão entre a torcida organizada Os Fanáticos - que decidiu não entrar em campo por causa de uma briga com a diretoria - e alguns policiais.

Depois desta vitória, o Atlético-PR só voltará a jogar pelo Brasileirão no próximo dia 11, uma segunda-feira, contra o Cruzeiro, às 20 horas, no Mineirão. Já o América-MG terá pela frente o São Paulo, no dia 10, às 16 horas, no Morumbi.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-PR 1 X 0 AMÉRICA-MG

ATLÉTICO-PR - Weverton; Léo, Wanderson, Thiago Heleno (Marcão) e Sidcley; Otávio, Hernani, Nikão e Vinícius (Walter); Marcos Guilherme (Giovanny) e André Lima. Técnico: Paulo Autuori.

AMÉRICA-MG - João Ricardo; Jonas (Pablo) Adalberto, Roger e Bruno Telles; Leandro Guerreiro, Juninho, Osman e Gilson; Tony (Alan Mineiro) e Borges (Victor Rangel). Técnico: Sérgio Vieira.

GOL - Nikão, aos sete minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira (SP).

CARTÕES AMARELOS - Jonas, Vinícius e Adalberto.

RENDA - R$ 150.110,00.

PÚBLICO - 10.137 pagantes.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).