21°
Máx
17°
Min

Barcelona confirma saída de Daniel Alves, que deve reforçar Juventus

(Foto: Rafael Ribeiro/ CBF) - Barcelona confirma saída de Daniel Alves, que deve reforçar Juventus
(Foto: Rafael Ribeiro/ CBF)

O Barcelona confirmou nesta quinta-feira que o lateral-direito Daniel Alves, que está nos Estados Unidos com a seleção brasileira para a disputa da Copa América, vai mesmo deixar o clube. Em entrevista coletiva, o diretor técnico do clube catalão, Robert Fernández, admitiu que hexacampeão espanhol não permanece no Camp Nou para a próxima temporada. Ele já teria inclusive assinado contrato com a Juventus.

"Daniel tem sido um jogador extraordinário. No fim da temporada passada, o clube não podia inscrever jogadores. Daniel acabou bem a temporada e nós decidimos por fazer a renovação. Ele queria ficar um ano e sair livre. É uma negociação, é bom recordar, que nem sempre o clube sai ganhando. Ele fez uma temporada muito boa, como todas até aqui. Ele decidiu ir. Já nos disse e nós aceitamos", explicou o dirigente.

No fim da temporada 2014/15, Daniel Alves expressou publicamente que seu ciclo no Barcelona havia se encerrado, dizendo que estava com "os dois pés" fora do clube. O Barça contratou Aleix Vidal, do Sevilla, mas, punido pela Fifa, só poderia estrear seu reforço este ano, após a primeira metade da temporada.

Daniel Alves foi convencido a ficar em Barcelona e assinou por duas temporadas. Como parte daquela negociação, entretanto, agora o lateral vai deixar o Camp Nou sem render nada ao Barcelona. Na Itália, o jogador é dado como certo na Juventus.

No Barcelona desde 2008, sempre como titular, Daniel Alves ganhou seis títulos do Campeonato Espanhol, quatro da Copa do Rei e outros quatro da Supercopa da Espanha. Em nível internacional, foi tri da Liga dos Campeões, do Mundial de Clubes e da Supercopa da Europa. No total, foram 23 taças.

Outro supercampeão pelo Barcelona, o volante/zagueiro Javier Mascherano também interessa à Juventus, mas os espanhóis não querem perdê-lo. "Falarei com ele no momento certo. Ele sabe muito bem o que pensamos sobre ele. Continuará no Barcelona. Tenho muito claro que sempre buscaremos um marco positivo para ele. Chegaremos a um acordo, qualquer que seja, com ele. Ele é vital para a gente."

VAI E VEM - Na entrevista coletiva desta quinta-feira, Fernández elucidou bastante coisa sobre as mudanças no elenco para a próxima temporada. Ele contou, por exemplo, que o também lateral-direito brasileiro Douglas será liberado. "Quero que ele jogue. Se aqui não pode, buscaremos uma solução. Eu já o informei. Creio que será melhor para ele e para o clube."

Adriano, lateral-esquerdo, é tido como reforço certo da Lazio, na Itália. O dirigente do clube catalão, porém, nega. "Ele tem contrato em vigor e não recebemos nenhuma ligação que indique que ele vai sair."

Sandro Ramírez, meia de apenas 20 anos, vai deixar o clube de graça, após disputar 10 partidas do Espanhol na última temporada. Bartra, zagueiro de 25 anos, também deve sair, mas o Barcelona quer liberá-lo apenas por empréstimo. Aí, será necessário contratar outro zagueiro e Marquinhos, brasileiro do PSG, é uma opção. "Não falamos com ele nem com o clube. Mas ele interessa a qualquer um", admitiu o dirigente.

Ele disse que sabe, assim como Luis Enrique, em quais posições o Barcelona precisa se reforçar, mas não quis revelá-las. Fernández admitiu só o interesse em Nolito, atacante do Celta. "Tentamos chegar a um acordo, mas no final não pudemos ir adiante. Neste momento, não confirmo nem desminto nada."

Denis Suárez, meia de 22 contratado em 2013 junto ao Manchester City, volta de empréstimo depois de ótima temporada pelo Villarreal. Mas Bellerín, lateral-direito formado na base do Barcelona e atualmente destaque no Arsenal, ainda não é opção para o lugar de Daniel Alves, de acordo com o dirigente.