22°
Máx
17°
Min

Bayern vence fora de casa e fatura tetracampeonato alemão por antecipação

Já estava anunciado, mas somente neste sábado o Bayern de Munique confirmou o título do Campeonato Alemão na temporada 2015/2016. A equipe bávara derrotou o Ingolstadt por 2 a 1 fora de casa, garantiu o troféu com uma rodada de antecipação e confirmou a hegemonia no país ao chegar à quarta conquista consecutiva da competição.

O resultado deste sábado levou o Bayern a 85 pontos, e mesmo que a vitória não viesse, o time de Munique garantiria o título. Isso porque o Borussia Dortmund, único adversário que ameaçava a conquista com 77 pontos, na segunda colocação, caiu fora de casa diante do Eintracht Frankfurt por 1 a 0.

O Bayern é o primeiro clube a conquistar o Alemão em quatro temporadas consecutivas. São 26 títulos no total, coroando um clube muito mais rico que seus adversários locais e que se dá ao luxo de ter um elenco recheado de estrelas como Neuer, Lahm, Robben, Xabi Alonso, Vidal, Douglas Costa, Ribery, Lewandowski e Thomas Müller.

A conquista também serviu para dar uma despedida à altura para o técnico Pep Guardiola. Já negociado com o Manchester City para a próxima temporada, ele deixará o clube sem ter alcançado o sonho de faturar a Liga dos Campeões, mas ao menos pode ser orgulhar de ter vencido o Campeonato Alemão nas três temporadas que por lá ficou.

A vitória deste sábado, que selou o título, começou a ser construída aos 12 minutos. Douglas Costa arrancou pela intermediária e tocou para Ribery. O francês partiu sozinho e tentou a finta no zagueiro, quando foi tocado e caiu. O árbitro viu o pênalti, que Lewandowski bateu com categoria, no canto esquerdo do goleiro, para marcar.

Mesmo com o gol, o time bávaro manteve a pressão e perdeu chance incrível com Douglas Costa, aos 21 minutos. Hartmann tentou responder para o Ingolstadt, mas o segundo do Bayern saiu aos 31. Lewandowski, esperto, se desmarcou nas costas da zaga, recebeu ótima enfiada de Thiago Alcântara e, mesmo com pouco ângulo, tocou com extrema categoria para marcar.

O polonês estava impossível e quase ampliou aos 35, quando recebeu na área, driblou o goleiro, mas perdeu o ângulo e bateu em cima do zagueiro. Mas cinco minutos depois, veio o susto. Hartmann invadiu a área e foi atropelado por Xabi Alonso. Ele mesmo bateu o pênalti e marcou.

Para não correr maiores riscos, o Bayern se fechou no segundo tempo e soube suportar a tentativa de impor pressão do Ingolstadt. Hartmann e Hinterseer até levaram perigo, mas nada que assustasse o time bávaro e ameaçasse a conquista de mais um título alemão, muito comemorado pelos jogadores após o apito final.

OUTROS RESULTADOS - Ainda neste sábado, o Borussia Mönchengladbach derrotou o Bayer Leverkusen por 2 a 1, em casa, e praticamente garantiu vaga na fase preliminar da Liga dos Campeões. Agora, é o quarto colocado com 52 pontos, três à frente de Mainz, Hertha Berlin e Schalke 04, com somente uma rodada para o fim do campeonato.

Deste trio, aliás, o Mainz foi o único a vencer neste sábado, ao fazer 3 a 1 sobre o Stuttgart mesmo fora de casa. O Schalke tropeçou em casa e não passou de um empate por 1 a 1 contra o Augsburg, enquanto o Hertha fez ainda pior e praticamente deu adeus à Liga dos Campeões com a derrota por 2 a 1 para o Darmstadt, em casa.

Na parte de baixo da tabela, a derrota praticamente selou a queda do tradicional Stuttgart, penúltimo colocado com 33 pontos, três atrás do Eintracht Frankfurt, que deixou a zona da degola ao passar pelo Dortmund. Entre eles, em 16.º, está o Werder Bremen, que empatou em 0 a 0 com o Colônia, tem 35 pontos e hoje disputaria o playoff para tentar evitar a queda.