28°
Máx
17°
Min

Bélgica reage, faz 3 a 0 na Irlanda e mantém chances de classificação

Novamente cercada de elogios, a seleção da Bélgica esteve longe de fazer por merecer a expectativa positiva em sua estreia na Eurocopa. Levou 2 a 0 da recuada Itália e preocupou a torcida. Neste sábado, a equipe belga superou aquela fraca atuação ao aplicar 3 a 0 na Irlanda, em Bordeaux. Romelu Lukaku, com dois gols, foi o destaque da partida.

Com a vitória, a Bélgica somou os primeiros três pontos no Grupo E e trocou a última posição pela segunda, deixando Suécia e Irlanda com um ponto cada. Os italianos já garantiram a vaga nas oitavas de final ao vencerem os suecos por 1 a 0 na sexta. Têm agora seis pontos e lideram com folga.

Favorita contra os irlandeses, a Bélgica fez o que se esperava dela e dominou o primeiro tempo. Esteve no ataque com maior frequência - foram nove finalizações contra apenas duas da Irlanda - e controlou o meio-campo. A posse de bola foi de até 65% na etapa inicial. Porém, não houve gols.

Aos 24 minutos, Yannick Carrasco até mandou para as redes. Mas a arbitragem anulou o gol por impedimento, corretamente. Em outra boa chance, o mesmo Carrasco exigiu bela defesa do goleiro Randolph, aos 23.

Tudo mudou no segundo tempo, em apenas 15 minutos. A falta de efetividade do ataque belga foi superada logo aos dois minutos. De fora da área, Lukaku acertou forte chute no canto e abriu o placar. A situação ficou mais tranquila aos 15, quando Meunier cruzou na área e Witsel surgiu de cabeça, por trás da zaga, e cabeceou praticamente sem marcação para as redes, aos 15.

Os gols trouxeram tranquilidade ao técnico Marc Wilmots, que passou a retirar alguns titulares de campo. Primeiro, colocou Mertens no banco. Depois, sacou Lukaku. Mas não antes de o atacante deixar sua marca pela segunda vez na partida. Aos 24 minutos, Meunier iniciou rápido contra-ataque ainda na defesa belga e acionou Hazard, que deu passe para Lukaku finalizar para as redes.

Com o triunfo assegurado, a Bélgica passou a respirar aliviada e diminuiu o ritmo até o apito final. Sua próxima parada será contra a Suécia na quarta-feira. O duelo será decisivo para as duas seleções. O time sueco, liderado por Zlatan Ibrahimovic, empatou na estreia e também perdeu para a Itália. Se não vencer a equipe belga, será eliminado da Eurocopa.

FICHA TÉCNICA:

BÉLGICA 3 x 0 IRLANDA

BÉLGICA - Thibaut Courtois; Thomas Meunier; Toby Alderweireld, Thomas Vermaelen, Jan Vertonghen; Mousa Dembele (Nainggolan), Axel Witsel, Kevin De Bruyne, Yannick Carrasco (Mertens), Eden Hazard; Romelu Lukaku (Benteke). Técnico: Marc Wilmots.

IRLANDA - Darren Randolph; Seamus Coleman, John O'Shea, Ciaran Clark, Stephen Ward; Robbie Brady, James McCarthy (McClean), Glenn Whelan, Jeff Hendrick, Wes Hoolahan (McGeady); Shane Long (Robbie Keane). Técnico: Martin O'Neill.

GOLS - Lukaku, aos 2 e aos 24, e Witsel, aos 15 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Vermaelen, Hendrick.

ÁRBITRO - Cüneyt Çakir (Turquia).

LOCAL - Stade de Bordeaux, em Bordeaux (França).