23°
Máx
12°
Min

Botafogo anuncia que terá estádio na Ilha do Governador como casa no Brasileirão

O Estádio Luso-Brasileiro, na Ilha Governador, será a casa do Botafogo durante a disputa do Brasileirão. Sem poder contar com o Engenhão, que está cedido para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio-2016 e só ficará disponível a partir de outubro, o clube carioca procurava um lugar para chamar de seu durante a competição.

O acanhado Luso-Brasileiro tem capacidade oficial para menos de 4 mil torcedores e deverá receber arquibancadas provisórias para poder receber ao menos 15 mil pessoas, capacidade mínima exigida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Além disso, refletores serão instalados para garantir a realização de jogos noturnos lá.

O estádio pertence à Portuguesa-RJ, que também participou da entrevista coletiva na qual foi apresentado o projeto da "Arena Botafogo", como a diretoria alvinegra quer chamar o local. Os detalhes da obra, entretanto, não foram passados à imprensa. O Botafogo também não quis revelar quanto vai gastar para adequar o estádio.

"Não se trata de uma simples locação de um espaço, e sim de um esforço conjunto de duas equipes do futebol carioca para viabilizar um esforço em duas competições em nível nacional: o Brasileiro para o Botafogo e a Série D para a Portuguesa", comentou Carlos Eduardo Pereira, presidente do Botafogo.

"O Luso-Brasileiro já tem estrutura boa. Vamos fazer reforma no campo de jogo e fechar, fazer uma ferradura com arquibancadas temporárias. Vai haver um equilíbrio entre o que o Botafogo já gastava normalmente com manutenção do Engenhão e apoiado na receita de sócio-torcedor", completou.

Para bancar o projeto, o Botafogo lançou a possibilidade de o torcedor comprar um pacote com ingressos para todos os jogos do clube em casa. Para a arquibancada, o pacote custa apenas R$ 225,00. O comprador precisa ser sócio-torcedor, o que custa ao menos R$ 13,90 ao mês. Serão comercializados 8.000 pacotes para a arquibancada e 5.000 para o setor social (a R$ 450,00).

A tendência é que o Luso-Brasileiro só possa receber os jogos do Botafogo a partir da sétima rodada do Brasileirão. As partidas diante de São Paulo, Atlético-PR e Cruzeiro devem acontecer em outros estádios. São Januário é uma das opções.