24°
Máx
17°
Min

'Cabe a mim mostrar por que gastaram tanto dinheiro comigo', diz Higuaín na Juve

- Higuaín foi oficialmente apresentado como novo reforço da Juventus

Contratado por 90 milhões de euros (cerca de R$ 324 milhões), valor da multa rescisória fixada pelo Napoli, seu ex-clube, Gonzalo Higuaín foi oficialmente apresentado, nesta quinta-feira, como novo reforço da Juventus. Festejado pela torcida desde o seu desembarque em Turim, na última quarta, o atacante argentino ressaltou que está pronto para justificar o alto dinheiro investido naquela que se tornou a maior transação da história do futebol italiano e uma das três maiores do futebol mundial em todos os tempos.

Antes ídolo do rival Napoli, o goleador afirmou que o objetivo do time alvinegro na próxima temporada será conquistar a tríplice coroa com os títulos do Campeonato Italiano, da Copa da Itália e da Liga dos Campeões da Europa.

"Claramente isso é um sonho, mas é para isso que deveremos trabalhar em toda temporada", afirmou o argentino, para depois completar: "Espero vencer todos os títulos com a Juve... Agora cabe a mim mostrar por que gastaram tanto dinheiro para me contratar".

Maior artilheiro de uma edição do Campeonato Italiano na história, com os seus incríveis 36 gols na temporada passada pelo Napoli, Higuaín foi seduzido pela proposta salarial da Juventus, que deverá pagar-lhe 7,5 milhões de euros por ano.

E, ao contratá-lo por esta alta cifra, o clube de Turim só ficou atrás das fortunas pagas duas vezes pelo Real Madrid para contratar Cristiano Ronaldo e depois Gareth Bale. O primeiro deles deixou o Manchester United para atuar pelo clube espanhol após uma transação de 94 milhões de euros (aproximadamente R$ 338 milhões atualmente) em 2009. Quatro anos mais tarde, o Real investiu inacreditáveis 101 milhões de euros (hoje cerca de R$ 363 milhões) para tirar o galês Gareth Bale do Tottenham.

Aos 28 anos de idade, Higuaín assinou contrato para defender a Juventus por cinco temporadas, sendo que na edição 2015/2016 do Campeonato Italiano ajudou o seu time a ser vice-campeão com a marca de 36 gols, quebrando um recorde de 66 anos na Série A nacional.

Antes disso, ele havia sido contratado pelo Napoli junto ao Real Madrid em 2013 e justificou o investimento em seu futebol marcando 71 gols em 104 partidas pela equipe no Campeonato Italiano. Nesta quinta, porém, lembrou que agora o clube napolitano já faz parte do passado de sua carreira, assim como disse compreender a revolta dos torcedores do seu ex-time pela sua ida para a Juventus.

"Eu passei três maravilhosos anos no Napoli e posso apenas agradecer aos torcedores por todo amor que mostraram por mim", ressaltou o atacante, para depois completar: "Li um monte de insultos destinados a mim e tudo que eu posso dizer é que entendi a raiva deles. Fiz a escolha que eu tinha de fazer".